Contra perda de mando, Kleber Leite sugere pena "sem noção"

KLEBER LEITE: A quarta-feira chegando e, ante a proximidade dela, muito mais do que a expectativa em competição tão aguardada – e contra adversário que é um gigante continental – a frustração de imaginar o Flamengo jogando sem a sua torcida e, além disso, ficar antevendo cenário tão inusitado.

Vez por outra, aqui no Brasil ou até mesmo no exterior, temos visto imagens de jogos de futebol sem a presença de público, onde normalmente o fato ocorre em função de punição para o time da casa.

Foto: Vipcomm)
E, nunca consegui ver, nestas condições, nenhum jogo que prestasse. Os espetáculos sempre foram deprimentes, onde tudo se ouve e pouco se joga, o que é mais do que normal, até porque, a pimenta ou o molho do futebol – como queiram – está na presença do público. E, imagino o que os homens da televisão estejam sofrendo, pois na telinha, jogo de futebol sem torcida é uma pobreza…

Será que não há outra forma de punir? Exemplo: por que não determinar que o clube penalizado seja impedido de colocar em campo os seus 11 jogadores que mais atuaram nos últimos três meses?

A punição seria da mesma forma rigorosa, só que o espetáculo estaria preservado.

Definitivamente, sou contrário a qualquer jogo de futebol sem público, onde o espetáculo vai para a cadeira elétrica. Muito melhor, a prisão perpétua…

Por que não determinar que o clube seja impedido de colocar em campo os seus 11 jogadores que mais atuaram nos últimos três meses?

Postar um comentário

[facebook]

FlamengoResenha

{facebook#https://www.facebook.com/FlamengoSouRubroNegro} {twitter#https://twitter.com/FlamengoResenha} {google-plus#https://plus.google.com/u/0/107993712547525207446} {youtube#https://www.youtube.com/channel/UCiHkjDj2ljgIbiv_zUvdG6g/videos}

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget