Flamengo e Botafogo discutem questões operacionais do Engenhão

Como tornar as roletas de entrada do estádio compatíveis tecnologicamente com o programa de Sócio Torcedor do clube.

ESPN: Por Gabriela Moreira

Na semana em que disputam, em campo, a semifinal do Campeonato Carioca, Flamengo e Botafogo têm avanços conjuntos fora dele. As conversas entre os dirigentes alvinegros e rubro-negros por um acordo para uso do estádio Nilton Santos avançaram bastante nas últimas 24 horas. Nesta quinta-feira, o vice-presidente geral do Flamengo, Fred Luz, e o seu par no Botafogo, Luis Fernando Santos, passaram boa parte do dia reunidos acertando os detalhes. A ideia é firmar um contrato mais longo para utilização do estádio durante este ano, nos jogos de mais apelo ao torcedor, como partidas da Libertadores, Copa do Brasil e clássicos do Brasileiro. Os dirigentes ainda não estão discutindo valores para o aluguel. Há a possibilidade de os pagamentos serem mensais ou por partidas realizadas.

No momento, eles discutem questões operacionais, como tornar as roletas de entrada do estádio compatíveis tecnologicamente com o programa de Sócio Torcedor do clube. Estabelecer qual seria o sistema de venda menos problemático para os clubes e iniciam conversas sobre a estética do estádio. Se há alguma forma de tornar (apenas para os jogos) as arquibancadas mais rubro-negras, visto que grande parte dela é decorada com as cores do alvinegro, como mudar os patrocínios do banco de reservas, os tapetes atrás do gol _ que têm o símbolo do dono da casa _ além de decoração de camarote e outros ambientes.

Foto: Gilvan de Souza
Duas reuniões já foram feitas por integrantes dos dois clubes para afinar os interesses, mas o encontro de hoje foi bem avaliado pelos dois lados. A primeira aconteceu na semana passada, com os departamentos que cuidam diretamente de estádios. Após a reunião desta terça-feira entre os executivos, o presidente do Flamengo Eduardo Bandeira de Mello, e o do Botafogo, Nelson Mufarrej, se falaram por telefone para se cumprimentar e reforçar os entendimentos.

Antes de avançarem nas conversas, cada um dos clubes discutiu o assunto com o seu conselho diretor. Em nenhum dos dois houve resistência, segundo apurou o Blog. O Botafogo se entusiasma com a possibilidade de lucrar com o estádio. Já o Flamengo, de não ficar refém da situação em que está desde o fechamento do Maracanã, há mais de dois anos. A Ilha do Urubu continuaria sendo a opção para muitos jogos, de menor apelo. 

Semifinal

A partida de sábado esteve perto de acontecer no estádio, mas ao longo do dia as áreas técnicas desistiram por entenderem que não teriam tempo para operacionalizar as adaptações necessárias à venda dos ingressos. Uma mudança para o Mané Garrincha, em Brasília, chegou a ser cogitada, mas por pouco tempo. O jogo acontecerá em Volta Redonda.

Quem comemora a aproximação entre os clubes neste assunto é a Ferj. O presidente da entidade, Rubens Lopes, tem sido apontado como alguém que está facilitando os trâmites.


Marcadores:

Postar um comentário

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget