Má fase do River Plate não ilude o Flamengo

GAZETA ESPORTIVA: A má campanha do River Plate no Campeonato Argentino é algo que chama a atenção por conta da tradição do time. O fato está deixando alguns torcedores do Flamengo animados, afinal de contas, os times se enfrentam nesta quarta-feira, às 21h45 (de Brasília), no Estádio Nilton Santos, no Rio de Janeiro, pela estreia na Copa Libertadores. Mas na visão do técnico Paulo César Carpegiani e dos jogadores do Rubro-Negro, ninguém deve esperar nenhum tipo de facilidade.

Flamengo estreia na Libertadores contra o River Plate (Fotos: Gilvan de Souza / Flamengo)
O River Plate pode estar mal na temporada. Porém, a qualidade de seu elenco é algo que realmente chama muito a atenção. O goleiro Armani foi contratado após grandes campanhas pelo Atlético Nacional, da Colômbia. O meio-campo conta com a experiência do volante Enzo Pérez. O poderio ofensivo tem forças como Scocco e Lucas Pratto, que no Brasil defendeu as cores de grandes clubes como São Paulo e Atlético-MG.

Carpegiani, técnico do Flamengo - Foto: Gilvan de Souza
“O River Plate é um dos grandes times do futebol mundial e enfrentá-lo é sempre certeza de um jogo complicado e muito bem disputado. O Flamengo sempre entra em campo com o pensamento de conquistar uma vitória e isso não vai mudar. Mas respeitamos o adversário”, disse Carpegiani.

O elenco do Flamengo voltou a treinar nesta segunda-feira pela manhã, quando o treinador Rubro-Negro vai definir a escalação que vai a campo diante dos argentinos. A atividade deve ter o retorno dos titulares, que foram preservados na goleada de 4 a 0 sofrida para o Fluminense no sábado passado, na Arena Pantanal, em Cuiabá (MT), pela Taça Rio, segundo turno do Campeonato Carioca.

O treinador não poderá contar com o volante colombiano Gustavo Cuéllar, suspenso por ter sido expulso na final da Sul-Americana. Jonas é o favorito para ocupar a sua vaga, ganhando a disputa com Rômulo.

O jogo desta quarta-feira será disputado sem a presença de torcedores, pois o Rubro-Negro foi punido pela Confederação Sul-Americana de Futebol (Conmebol) por conta dos atos de vandalismo de seus torcedores na decisão da Copa Sul-Americana do ano passado, contra o Independiente.

Após a atividade desta terça-feira começa o período de concentração. Flamengo e o River Plate integram o Grupo 4 da Libertadores, que tem ainda o Indpendiente Santa Fe, da Colômbia, e o Emelec, do Equador.

O poderio ofensivo tem forças como Scocco e Lucas Pratto, que no Brasil defendeu as cores de grandes clubes como São Paulo e Atlético-MG.



Postar um comentário

[facebook]

FlamengoResenha

{facebook#https://www.facebook.com/FlamengoSouRubroNegro} {twitter#https://twitter.com/FlamengoResenha} {google-plus#https://plus.google.com/u/0/107993712547525207446} {youtube#https://www.youtube.com/channel/UCiHkjDj2ljgIbiv_zUvdG6g/videos}

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget