Os Clubes que mais levaram público na história em Copa do Brasil

É, de certa forma, o caso do Flamengo, campeão de público na história do Campeonato Brasileiro.

VERMINOSOS POR FUTEBOL: A temporada 2018 marca a 30ª edição da Copa do Brasil. O torneio nacional de formato eliminatório, que começou nesta semana, apresenta números de histórico de público bem diferentes em relação ao Campeonato Brasileiro. Times que são tradicionalmente sucesso de arquibancada no Brasileirão não arrastam a mesma multidão na competição de mata-mata. No inverso, idem.

É, de certa forma, o caso do Flamengo, campeão de público na história do Campeonato Brasileiro. Na Copa do Brasil, o time tem somente a 5ª maior média em todas as edições (28 mil na liga x 20 mil na copa). Já o Bahia, 4º colocado no histórico do Brasileirão, é somente o 13º no torneio (22 mil na liga x 11 mil na copa).

O levantamento, publicado com exclusividade pelo Verminosos por Futebol, é do pesquisador João Ricardo de Oliveira, um dos maiores especialistas em estatística de público no país.

Foto: Gilvan de Souza
Maior campeão ao lado do Cruzeiro (com 5 títulos), o Grêmio possui a melhor média de público na história da Copa do Brasil, com 23 mil torcedores por jogo. No Brasileirão, o time tem a 8ª melhor média, com 18 mil. O 2º lugar é o Corinthians, com a mesma posição do Campeonato Brasileiro, porém com média menor (25 mil na liga x 23 mil na copa).

Cruzeiro (3º, com 22 mil) e Ceará (4º, com 20 mil) melhoraram sua média na Copa do Brasil, e assim subiram posições no ranking em relação ao Campeonato Brasileiro. No torneio nacional principal, eles têm respectivamente a 5ª melhor marca (20 mil) e a 14ª (15 mil).

Já o Atlético-MG, dono da 3ª melhor média na história do Brasileirão (22 mil), cai para 7º na trajetória da Copa do Brasil (19 mil). Apesar disso, foi o time mais vezes campeão de público do torneio mata-mata, em quatro edições, em 2001, 2004, 2006 e 2010, mesmo tendo conquistado o título uma única vez, em 2014.

Confira os dados abaixo. E, se for o caso de seu time, não perca a oportunidade de cantar vantagem, claro!

Melhores médias de público da história da Copa do Brasil (1989 a 2017):

Clube / Média de público / Total de público / Jogos (Participações)
1º Grêmio – 23.834 – 2.002.132 – 84 (25)
2º Corinthians – 23.041 – 1.428.588 – 62 (23)
3º Cruzeiro – 22.167 – 1.529.553 – 69 (22)
4º Ceará – 20.355 – 1.017.753 – 50 (23)
Flamengo – 20.120 – 1.629.772 – 81 (22)
6º Internacional – 20.117 – 1.247.282 – 62 (24)
7º Atlético-MG – 19.915 – 1.414.032 – 71 (29)
8º Palmeiras – 15.462 – 1.051.471 – 68 (23)
9º Fortaleza – 13.154 – 552.501 – 42 (22)
10º Fluminense – 12.998 – 831.917 – 64 (22)
11º São Paulo – 12.846 – 629.487 – 49 (18)
12º Coritiba – 12.245 – 722.513 – 59 (24)
13º Bahia – 11.811 – 673.265 – 57 (27)
14º Atlético-PR – 11.788 – 601.236 – 51 (22)
15º Sport – 11.662 – 606.424 – 52 (24)
16º Remo – 11.588 – 533.052 – 46 (27)
17º Botafogo – 11.234 – 741.490 – 66 (25)
18º Goiás – 11.001 – 660.062 – 60 (26)
19º Paysandu – 10.528 – 379.018 – 36 (21)
20º Vasco – 10.271 – 852.537 – 83 (27)
21º Santa Cruz – 9.711 – 378.751 – 39 (24)
22º Vitória – 9.283 – 677.693 – 73 (29)
23º Santos – 8.107 – 405.366 – 50 (16)
24º Vila Nova-GO – 8.005 – 152.099 – 19 (14)
25º Paraná – 7.607 – 311.918 – 41 (21)
26º Náutico – 5.703 – 245.229 – 43 (24)

(*) Equipes que tiveram boa média com uma única participação foram desconsideradas do ranking.

Melhores médias de público ano a ano:

Ano / Clube / Média de público / Jogos
1989 – Grêmio – 36.786 – 4
1990 – Goiás – 25.962 – 5
1991 – Rio Negro-AM – 20.000 – 1
1992 – Internacional – 32.506 – 5
1993 – 4 de Julho-PI – 35.010 – 1
1994 – Ceará – 33.785 – 5
1995 – Gama – 42.748 – 1
1996 – Cruzeiro – 34.757 – 5
1997 – Flamengo – 36.701 – 4
1998 – Cruzeiro – 31.371 – 4
1999 – Botafogo-PB – 34.289 – 1
2000 – Cruzeiro – 20.804 – 5
2001 – Atlético-MG – 30.867 – 1
2002 – Corinthians – 27.483 – 5
2003 – Flamengo – 28.742 – 5
2004 – Atlético-MG – 31.990 – 2
2005 – Ceará – 35.408 – 5
2006 – Atlético-MG – 29.081 – 3
2007 – Botafogo – 32.448 – 5
2008 – Corinthians – 46.406 – 5
2009 – Internacional – 34.966 – 6
2010 – Atlético-MG – 32.962 – 3
2011 – Santa Cruz – 46.681 – 1
2012 – São Paulo – 25.964 – 4
2013 – Grêmio – 33.539 – 3
2014 – Resende-RJ – 38.189 – 1
2015 – Corinthians – 37.338 – 1
2016 – Grêmio – 34.178 – 4
2017 – Flamengo – 36.825 – 4

Mais vezes campeão de público da Copa do Brasil:

1º – Atlético-MG – 4 vezes
2º – Corinthians, Cruzeiro, Flamengo e Grêmio – 3 vezes
6º – Ceará e Internacional – 2 vezes
8º – 4 de Julho-PI, Botafogo, Botafogo-PB, Gama, Goiás, Resende-RJ, Rio Negro-AM, Santa Cruz e São Paulo – 1

PARA COMPARAÇÃO

Ranking de público do Brasileirão 1971-2017 (acima de 9 participações):

Clube / Média de público / Público total / Jogos (Participações)
Flamengo-RJ – 28.231 – 18.265.600 – 647 (47)
2º Corinthians-SP – 25.581 – 15.527.675 – 607 (45)
3º Atlético-MG – 22.694 – 14.615.013 – 644 (46)
4º Bahia-BA – 22.371 – 10.245.957 – 458 (36)
5º Cruzeiro-MG – 20.459 – 13.523.668 – 661 (47)
6º Palmeiras-SP – 20.030 – 11.537.546 – 576 (44)
7º São Paulo-SP – 19.611 – 12.570.958 – 641 (46)
8º Grêmio-RS – 18.814 – 11.872.019 – 631 (45)
9º Internacional-RS – 18.521 – 11.853.520 – 640 (46)
10º Vasco-RJ – 18.110 – 10.812.121 – 597 (44)
11º Fluminense-RJ – 16.361 – 10.095.144 – 617 (45)
12º Sport-PE – 16.220 – 7.558.679 – 466 (35)
13º Nacional-AM – 15.957 – 2.090.367 – 131 (14)
14º Ceará-CE – 15.862 – 3.156.734 – 199 (16)
15º Paysandu-PA – 14.722 – 3.238.840 – 220 (20)
16º Botafogo-RJ – 14.672 – 8.598.166 – 586 (45)
17º Fortaleza-CE – 14.497 – 2.479.046 – 171 (15)
18º Santos-SP – 14.492 – 9.202.731 – 635 (46)
19º Santa Cruz-PE – 14.281 – 3.813.257 – 267 (23)
20º Coritiba-PR – 13.990 – 7.289.257 – 521 (37)
21º Remo-PA – 13.192 – 1.820.496 – 138 (13)
22º CSA-AL – 13.104 – 1.271.088 – 97 (11)
23º Vitória-BA – 12.715 – 5.963.337 – 469 (35)
24º Goiás-GO – 12.404 – 6.400.464 – 516 (38)
25º Atlético-PR – 11.961 – 6.531.218 – 546 (37)
26º CRB-AL – 11.935 – 1.026.492 – 86 (9)
27º Náutico-PE – 11.086 – 3.636.208 – 328 (27)
28º América-RN – 10.766 – 1.464.176 – 136 (14)
29º Joinville-SC – 9.654 – 1.032.978 – 107 (11)
30º Figueirense-SC – 8.652 – 1.964.031 – 227 (17)
31º Sergipe-SE – 8.557 – 804.360 – 94 (9)
32º Guarani-SP – 8.368 – 2.962.272 – 354 (28)
33º Avaí-SC – 8.338 – 1.067.287 – 128 (9)
34º Paraná-PR – 8.248 – 1.732.080 – 210 (15)
35º Ponte Preta-SP – 8.208 – 2.725.181 – 332 (23)
36º Criciúma-SC – 7.590 – 1.259.940 – 166 (12)
37º América-RJ – 6.520 – 815.000 – 125 (16)
38º Desportiva-ES – 6.512 – 729.344 – 112 (12)
39º Portuguesa-SP – 5.516 – 1.903.020 – 345 (31)
40º Juventude-RS – 5.248 – 1.133.568 – 216 (16)
41º América-MG – 4.783 – 841.953 – 176 (15)
42º Bragantino-SP – 3.725 – 361.325 – 97 (9)

Fonte: João Ricardo de Oliveira


Marcadores:

Postar um comentário

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget