Apresentadora desiste de vestir rubro-negro: "Não tem clima pra isso"

UOL ESPORTE VÊ TV: A jornalista Mariana Gross, apresentadora do RJTV, é flamenguista declarada. Na edição desta quinta-feira (15) do programa, contudo, ela não vestirá vermelho em preto em homenagem à vitória do time rubro-negro. Em seu Twitter, Mariana afirmou que não usaria as cores do clube, por causa do assassinato da vereadora Marielle Franco (PSOL).

Pessoal me cobrando usar vermelho e preto amanhã (quinta-feira) no RJ1. Estou super feliz pelo Mengão! Mas, não tem clima para isso. Com vereadora assassinada no Centro. Motorista morto no Cachambi. Não dá. Não dá mesmo”, escreveu.

Foto: Screenshot / Twitter
Marielle Franco, 38, foi assassinada na noite da última quarta-feira (14) no bairro do Estádio, no Centro do Rio de Janeiro. O carro em que ela estava foi alvo de ao menos nove tiros, sendo que quatro acertaram a vereadora, que morreu na hora. O motorista Anderson Pedro M. Gomes, 39, também foi atingido e morreu no local.

Deputado estadual pelo PSOL, Marcelo Freixo concedeu entrevista no local acidente e afirmou que as características do assassinato são “muito nítidas de execução”. O PSOL pediu “apuração rigorosa” dos fatos.

O assassinato no bairro do Cachambi, na Zona Norte do Rio, a qual Mariana Gross se referiu aconteceu também na quarta-feira. Um homem foi morto a tiros durante um assalto.


A jornalista Mariana Gross, apresentadora do RJTV, é torcedora do Flamengo declarada.



Postar um comentário

[facebook]

FlamengoResenha

{facebook#https://www.facebook.com/FlamengoSouRubroNegro} {twitter#https://twitter.com/FlamengoResenha} {google-plus#https://plus.google.com/u/0/107993712547525207446} {youtube#https://www.youtube.com/channel/UCiHkjDj2ljgIbiv_zUvdG6g/videos}

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget