Athirson se diz impressionado com estrutura em volta ao Flamengo

JORGE NICOLA: Revelado na Gávea, Athirson está de volta ao Flamengo pelas próximas duas semanas. O ex-jogador começou nesta segunda-feira um estágio como treinador nas categorias de base do clube.

“Pedi uma chance para conhecer a estrutura do Flamengo, entender como funciona o dia a dia e aprender o máximo que puder”, conta Athirson, hoje com 41 anos de idade. 

Técnico desde 2015, ele não esconde o sonho de trabalhar no Flamengo, mas no futuro.

“Seria uma honra voltar, mas não quero tirar o espaço de ninguém do Flamengo.” 

Confira a entrevista exclusiva com o ex-jogador, aposentado desde 2010.

Athirson e Maurício Souza no Flamengo - Foto: Divulgação
BLOG: Como surgiu a possibilidade de estagiar no Flamengo?
ATHIRSON: Eu participo de alguns grupos de flamenguistas e comentei com o pessoal da minha assessoria que tinha o desejo de estar um pouco mais perto do clube, para acompanhar o trabalho e entender a dinâmica do Flamengo.

Vai estagiar somente nas categorias de base ou há algo previsto no profissional?
A diretoria de futebol abriu as portas, mas comentou que não daria para ficar neste momento no profissional por causa dos jogos de quarta e domingo. Farei os primeiros dias do estágio na base, acompanhando os treinos dos times sub-20 e sub-17. A primeira experiência foi bem legal, porque eu já conhecia o técnico do sub-20, o Maurício (Souza). Quando as coisas se acalmarem, talvez também dê para passar um período no profissional.

Como encontrou o Flamengo na comparação com seu tempo de jogador?
Fiquei muito impressionado com tudo o que vi. Desde o projeto do clube, pensando a médio e longo prazo, até a infraestrutura do CT. Tenho que admitir que fiquei encantado com tudo o que o Flamengo montou. Totalmente diferente da minha época. É uma estrutura que condiz com o que o Flamengo representa no Brasil.

Você já atua como técnico desde 2015. No que acha que o estágio no Flamengo ajudará?
Quero aprender o máximo que puder no Flamengo, além de me manter em atividade. Não dá para ficar parado e resolvi ver o que está sendo feito dentro de um clube grande. Quero entender como os times de baixo são preparados, como os garotos lidam com a pressão de jogar no time de cima…

Mas pensa em um dia virar técnico do Flamengo?
Sem dúvida. Seria uma honra voltar, mas preciso deixar claro que não quero tirar o espaço de ninguém do Flamengo. Neste momento, estou no clube para aprender.

Por que decidiu se transformar em treinador?
Parei de jogar em 2010 e virei empresário. Fiquei uns 2 anos nessa função, mas não me senti confortável. Tive alguns problemas com um atleta, que não vem ao caso falar o nome. Aí, achei que não tinha perfil para aquilo. Cheguei a trabalhar como comentarista da Fox por dois anos e a experiência me despertou a vontade de virar treinador. Fiz cursos de gestão e na CBF, tenho a licença B e pretendo entrar numa faculdade em breve.

Em menos de três anos como técnico, você já passou por clubes do Rio, Paraíba, Estados Unidos…
Comecei no São Cristóvão em 2015. O time estava para ser rebaixado na segunda divisão, quando fui contratado e conseguimos escapar. Depois, fui para o Flamengo-PI, onde passei sete meses. Mesmo com uma estrutura menor do que a dos rivais, deu pra fazer um trabalho muito legal e fomos vice-campeões do 1º turno.

Por que você durou só dois jogos no Alecrim-RN?
Infelizmente, as coisas não foram muito agradáveis. Peguei um clube sem estrutura e sem dinheiro para contratações. Aí, depois de um empate e uma derrota, me mandaram embora. Faz parte daquelas coisas que não dá para entender no futebol.

Aí você foi para os Estados Unidos?
Sim, surgiu o convite para trabalhar no Boca Raton, da 2ª divisão dos EUA. Minha família acabou ficando no Brasil, por causa dos estudos da minha filha. Então, depois de um tempo, decidi voltar para ficar mais perto de todos. Estou desde setembro do ano passado sem trabalhar, esperando por oportunidades.

O ex-jogador começou nesta segunda-feira um estágio como treinador nas categorias de base do clube.



Postar um comentário

[facebook]

FlamengoResenha

{facebook#https://www.facebook.com/FlamengoSouRubroNegro} {twitter#https://twitter.com/FlamengoResenha} {google-plus#https://plus.google.com/u/0/107993712547525207446} {youtube#https://www.youtube.com/channel/UCiHkjDj2ljgIbiv_zUvdG6g/videos}

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget