Diego Alves, Paquetá e Rhodolfo são os melhores de Fla x Botafogo

Com a ineficiência do Flamengo nos cruzamentos, acabou participando pouco do clássico. Enquanto teve fôlego, lutou, mas foi substituído.

LANCE: Após tropeços no Carioca e na Libertadores, o Flamengo conquistou importante vitória contra o Botafogo, por 1 a 0, neste sábado, no Nilton Santos. O goleiro Diego Alves, o Zagueiro Rhodolfo, autor do gol, e o meia Lucas Paquetá jogaram bem e receberam as maiores notas. Confira as avaliações do LANCE! (por Matheus Dantas)

7,0 - DIEGO ALVES - Em sua quarta partida no ano, fez sua melhor apresentação. Foi exigido pelo ataque e fez grandes defesas. Aos poucos, está ganhando ritmo.

6,0 - RODINEI - Em comparação ao Pará, sua presença aumenta a produção ofensiva pelo lado direito. No entanto, faltou capricho na hora do passe final.

6,0 - RÉVER - Alguns bons desarmes e cortes na área. Alguns erros na saída de bola, sem comprometer. Substituído na etapa final, com dores musculares.

Rhodolfo comemorando gol pelo Flamengo - Foto: Gilvan de Souza
7,0 - RHODOLFO - Ganhou nova oportunidade e aproveitou bem. Além de abrir o placar, foi firme no combate a Kieza, sem dar espaço ao centroavante rival.

5,0 - RENÊ - Sofreu com as investidas de Ezequiel na primeira etapa. Com a saída do atacante, teve vida mais tranquila. No ataque, contribuição quase nula.

6,5 - JONAS - Com a sequência entre os titulares, vai se encaixando no time. Destruiu bons ataques do Botafogo - é verdade que, muitas vezes, na falta.

7,0 - LUCAS PAQUETÁ - Ótima atuação do camisa 11. Mais uma em 2018. Movimentação, dribles e entrega na marcação: assim, dominou as ações pelo lado do campo.

5,5 - DIEGO - Deu assistência para Rhodolfo, mas não fez grande jogo. Segurou demais a bola e errou passes que resultaram ataques perigosos do Botafogo.

5,0 - ÉVERTON RIBEIRO - Mais uma atuação abaixo da expectativa, o que justifica as críticas da torcida. Pouco participativo, deu lugar a Vinícius Júnior na etapa final.

5,0 - ÉVERTON - Foi bem menos acionado pelos companheiros do que de costume. Quando a bola chegou, também não produziu lance de perigo.

5,0 - HENRIQUE DOURADO - Com a ineficiência do Flamengo nos cruzamentos, acabou participando pouco do clássico. Enquanto teve fôlego, lutou, mas foi substituído.

6,5 - LÉO DUARTE - Entrou no lugar do capitão Réver e não comprometeu. Manteve o nível da defesa rubro-negra, deixando a atuação ruim diante do Flu para trás

6,5 - FELIPE VIZEU - No pouco tempo que esteve em campo, fez mais que Henrique Dourado: uma cabeçada com perigo e uma ótima enfiada para Diego.

3,0 - VINÍCIUS JÚNIOR - Por conta do último clássico, sua entrada pilhou o rival. Jovem, o camisa 20 entrou na pilha e foi expulso após chegar atrasado em Igor Rabello.

6,0 - CARPEGIANI - Equipe venceu, mas voltou a apresentar problemas na transição para o ataque e perder fôlego na etapa final. Boa vitória.


Marcadores:

Postar um comentário

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget