Jogador da Seleção da Suíça revela sonho de jogar no Flamengo

FOX SPORTS: Nesta sexta-feira (23 de março), o FOX Sports transmite a partir de 15h45 o amistoso entre Grécia e Suíça, rival do Brasil no grupo E da Copa do Mundo. Apesar de não estar em campo para esse duelo, o zagueiro Léo Lacroix, que disputou quase todos os jogos das Eliminatórias, ainda acredita que possa ser convocado para a Copa do Mundo.

Com mãe e esposa brasileiras, o jogador do Basel (SUI) faz viagens para o Brasil em todas as suas férias, além de ter jogado seis meses pelo São Cristóvão, do Rio de Janeiro, em 2009. Agora, em entrevista ao FOXSports.com.br, ele ‘apresenta’ o rival do time de Tite na Copa do Mundo.

“Desde os últimos anos, a Suíça tem mostrado um futebol bom, bem ofensivo. Tomamos poucos gols nas eliminatórias e ganhamos quase todos os jogos”, afirmou o zagueiro, que destacou a grande força da sua seleção.

Léo Lacroix - Foto: Divulgação
“Claro que tem o Shaqiri (atacante do Stoke City), que é um jogador importante para a seleção. Mas não somente ele, a força da seleção suíça é justamente a união”, contou o jogador. Leo, que tem 1,97m de altura e é conhecido pela sua velocidade e pela força, também respondeu, caso esteja presente, se cantaria o hino brasileiro no confronto contra a nação da sua mãe.

“Não, eu sou suíço. Na hora de vestir a camisa, serei 100% suíço. Claro que vou lembrar na hora do hino, minha mãe brasileira, mas não vou cantar não”, disse. Leo ainda contou uma paixão que foi passada pela família ainda na infância: a torcida pelo Flamengo.

“Sou flamenguista, foi minha primeira camisa, minha mãe me deu. Quando vou aí tento assistir um jogo”, revelou o jogador, que citou alguns rubro-negros que admira: 

“Gosto do Juan, que agora é zagueiro lá. Não consegui ver, mas já vi vários vídeos do Mozer. Tem o Léo Moura, que fez história, o Ibson, o Adriano Imperador, o Ronaldinho Gaúcho, grandes jogadores”.

Recentemente, veículos de imprensa da Inglaterra noticiaram que o Everton e o Brighton, da Premier League, têm interesse nele. Leo disse não participar dessas negociações, mas confirmou que deseja um dia em atuar no futebol inglês. Além disso, ele também contou o sonho de jogar um dia no Brasil.

“Eu queria, por que não? É um campeonato que eu gosto muito de assistir, muito técnico. Não fecho nenhuma porta, ainda mais que amo esse país”, respondeu Lacroix, que completou citando, é claro, o seu time de infância: “Flamengo é o time de coração, se eu fosse seria maravilhoso. Mas não escolheria time, tem que ver oportunidades que possam aparecer”.

“Sou flamenguista, foi minha primeira camisa, minha mãe me deu. Quando vou aí tento assistir um jogo”, revelou o jogador


Postar um comentário

[facebook]

FlamengoResenha

{facebook#https://www.facebook.com/FlamengoSouRubroNegro} {twitter#https://twitter.com/FlamengoResenha} {google-plus#https://plus.google.com/u/0/107993712547525207446} {youtube#https://www.youtube.com/channel/UCiHkjDj2ljgIbiv_zUvdG6g/videos}

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget