José Neto analisa o desempenho do Flamengo contra o Minas

GARRAFÃO RUBRO-NEGRO: Por Enéas Lima

Em uma edição tão equilibrada do Novo Basquete Brasil, o controle emocional acaba por fazer toda a diferença na definição do vencedor dos jogos. Em entrevista ao blog Garrafão Rubro-Negro, o técnico José Neto abordou a questão psicológica do time rubro-negro na vitória contra o Minas, na Arena Carioca 1.

- Nesse campeonato é importante ter esse controle o tempo todo. Primeiramente em razão das equipes serem muito parelhas, pois se a gente ficar jogando de acordo com a classificação é um risco que a gente corre. O time está bem consciente disso, não ficamos focados vendo a classificação do outro time, estamos procurando jogar de uma forma que a gente consiga se impor desde o inicio do jogo. No jogo contra o Minas conseguimos fazer isso, mas no terceiro quarto a gente caiu defensivamente, permitiu muitos pontos, aproveitaram bem, até passaram a frente. Mas importante ter esse controle que a gente teve e no final conseguir uma vitória importante para continuar na posição que a gente está na tabela.

Foto: Divulgação
O treinador rubro-negro destacou a regularidade do ala Marquinhos no sistema ofensivo rubro-negro nessa atual temporada da competição.

- O Marquinhos é um jogador que sabe decidir. Ele tem esse poder e essa característica e está usando bem, assume essa responsabilidade, está assumindo a responsabilidade de levar o time nesses momentos mais difíceis e isso está surtindo bastante efeito. Isso é mérito do trabalho dele, vem trabalhando bastante no dia a dia. Muito mérito desse trabalho dele.

José Neto falou da sequência de jogos da equipe rubro-negra em São Paulo e a questão de precisar de apenas uma vitória para assegurar a vaga antecipada as quartas de final do NBB 10.

- Agora que você está me falando que precisamos de apenas uma vitória que fiquei sabendo disso. A gente não faz essa conta. Essa conta não entra como a gente joga. Sabemos que teremos adversários duros pela frente. Teremos a Liga Sorocabana, eles que fizeram jogo duro contra Franca, no Pedrocão. E eles jogando em casa eles tendem a crescer bastante e temos que saber disso, jogar forte contra eles. Depois temos o Pinheiros que está recuperando todo mundo, com todos os jogadores disponíveis, ficou novamente um time bastante forte. E encerrando temos o Mogi que estão brigando com a gente pelo mesmo objetivo no campeonato. Mas vamos jogo a jogo, o próximo jogo sempre é o mais importante que é a Liga Sorocabana e temos que voltar a jogar de forma intensa do começo até o fim da partida e não permitir nenhuma surpresa.

O treinador rubro-negro destacou a regularidade do ala Marquinhos no sistema ofensivo rubro-negro nessa atual temporada da competição.

Postar um comentário

[facebook]

FlamengoResenha

{facebook#https://www.facebook.com/FlamengoSouRubroNegro} {twitter#https://twitter.com/FlamengoResenha} {google-plus#https://plus.google.com/u/0/107993712547525207446} {youtube#https://www.youtube.com/channel/UCiHkjDj2ljgIbiv_zUvdG6g/videos}

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget