Paulo Nunes detona time do Fla: "Filosofia de não sentir derrota"

Antes os caras estavam jogando por jogar. Perdia era igual, ganhava era igual. Então espero que o Flamengo esse ano mude a sua filosofia de jogo.

FOX SPORTS: Convidado especial do Jogo Sagrado da última segunda-feira (26 de março), Paulo Nunes foi marcado a carreira toda por falar o que pensa. E durante um questionamento no programa sobre o Flamengo, a resposta foi a mesma dos tempos de jogador: direta e sem papas na língua, com alvo mirado para o desempenho dos atletas rubro-negros nos últimos anos.

Perguntado o motivo de o time ganhar vaias da torcida, ele detonou a postura da equipe em campo. Segundo ele, a principal razão para irritar a arquibancada é a falta de cobrança entre os próprios jogadores. O 'Diabo Loiro', no entanto, elogiou a partida contra o Emelec, considerada exceção nos últimos anos, mas fez uma ressalva para a filosofia atual da equipe da Gávea:

Foto: Gilvan de Souza
"Eu gosto do time do Flamengo para o Campeonato Carioca. No Carioca é um time bom, que vai disputar, mas nas outras competições eu não vejo. Não vejo o Flamengo sentir uma derrota. A não ser esse jogo contra o Emelec, vi um Flamengo que eu não via há dois anos, os caras querendo mesmo. Antes os caras estavam jogando por jogar. Perdia era igual, ganhava era igual. Então espero que o Flamengo esse ano mude a sua filosofia de jogo”, disparou o ex-atacante, campeão com o clube em 1992, que pediu mais comunicação entre os atletas:

"Você não vê ninguém cobrando. Parece que todos estão nessa mesma filosofia de não sentir a derrota. Já joguei em várias equipes que, quando você entrava no vestiário, a 'porrada estancava'. Ou às vezes as pessoas seguravam um ou outro, puxavam para lá, confusão. Porque a cobrança sempre existiu. Um dia você não está bem, é uma coisa, agora você joga um jogo e perde, tranquilo. Aí no outro jogo decisivo, você vai jogar com a torcida e perde de novo. Parece que é normal, você vê as entrevistas nos outros dias e são bem elaboradas, parece que são estudadas. Ficam em casa pensando exclusivamente naquilo que vão explicar para o torcedor depois da derrota”, finalizou.

O Flamengo volta a campo nesta quarta-feira (28), contra o Botafogo, pela semifinal do Campeonato Carioca. Por conta do título da Taça Guanabara, o Rubro-Negro joga com a vantagem do empate para chegar à decisão. A outra semifinal é decidida entre Fluminense e Vasco.


Marcadores:

Postar um comentário

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget