"Seria injustiça o Flamengo não vencer a partida", diz Carpegiani

O treinador comentou a participação decisiva de Vinicius Júnior, que entrou aos 21 minutos da etapa final, após o gol do Emelec, e resolveu o jogo.

LANCE: Antes da partida desta quarta-feira, o técnico Carpegiani disse que o caminho para a vitória diante do Emelec era o Flamengo impor o ritmo de jogo, apesar de atuar como visitante. O triunfo veio no fim, de virada, mas o treinador ficou satisfeito com a atuação da equipe no Estádio George Capwell, em Guayaquil.

- Colocamos as coisas no devido lugar. Em nenhum momento deixamos de tentar vencer o jogo. Seria uma injustiça se não fossemos os vencedores da partida - analisou Paulo César Carpegiani, antes de complementar:

RODRIGO BUENDIA/AFP/Getty Images
- Tínhamos o domínio, criamos muitas oportunidades e não fizemos. O pênalti foi claríssimo. No primeiro tempo fomos muito prejudicados pela arbitragem. Gosto de frisar isso porque as pessoas esquecem dessas coisas. Gostaria só de lembrar que essa equipe está invicta, não perdeu ainda - comentou o técnico.

O treinador também comentou a participação decisiva de Vinicius Júnior, que entrou aos 21 minutos da etapa final, após o gol do Emelec, e resolveu o jogo.

- O Vinicius entrou bem, foi decisivo, fez dois gols... Contrariando o que muitas pessoas pensam, que ele tem que jogar no lado esquerdo. Acho que tem que jogar na direita. Ali fica à feição para ele buscar o drible e a jogada por dentro.

A delegação do Flamengo retorna ao Rio de Janeiro ainda nesta madrugada. A chegada no Rio de Janeiro está prevista para às 10h20 no Galeão. O grupo está de folga e volta às atividades na sexta-feira, às 16h, no Ninho do Urubu.


Marcadores:

Postar um comentário

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget