A César o que é de César

FALANDO DE FLAMENGO: Por Sorín

TEORICAMENTE, muito TEORICAMENTE, era pra ser mesmo um jogo que, apesar de oficial, teria clima de festa e pouco trabalho para o homenageado da noite de sábado no Maracanã. Acabou tudo bem, mas acabou não sendo bem assim. Julio Cesar teve mesmo que ralar em sua última partida como atleta profissional e ser protagonista da primeira vitória do Flamengo no Brasileirão 2018.

Após os dois gols do Dourado um pouco depois da metade do primeiro tempo, o Flamengo até fez parecer que o domínio seria fácil e talvez até uma goleada viesse para animar a festa do JC. Porém… Porém… No Flamengo cheio de poréns dos últimos tempos parece que nada nunca é fácil. A verdade é que os mineiros, apesar de menor posse de bola (64% x 36%) dominaram as ações efetivas, finalizaram mais e com mais perigo.

A situação faz lembrar um pouco o início do campeonato no ano passado. Naquela oportunidade empatamos na estreia com o Atlético Mineiro. Daí metade da torcida sugeriu suicídio coletivo, e a outra metade ponderou que era um confronto contra um dos supostos favoritos ao título (completávamos o trio decepção junto com o Palmeiras).

Porém… Porém… (lá vem mais um), a não ser que o América Mineiro corrobore uma boa atuação no campeonato baseada na sua estreia (goleada no Sport), o que é extremamente improvável, a verdade é que passamos dificuldade para arrancar os três pontos em outro jogo contra a turma que tem cara de potencial Z4.

Segundo o Barbieri declarou na coletiva, o Flamengo esteve “sempre no controle do jogo”. Hmmmm… Apesar de ser de forma assumida um ignorante tático-estratégico, não foi exatamente o que me pareceu. Na maior parte do tempo o time me pareceu tão perdido quanto nos últimos jogos, com pouco poder de criação, com a bola chegando pouco (quase nunca) no Dourado, e com absoluta dependência de lampejos individuais do Paquetá e do Vinícius Jr.

Vi gente comemorando ter razão, baseado em nada, no fato da vitória ter sido conquistada sem a presença dos criticados Diego Ribas e Everton Ribeiro. Por mais que eles estejam apresentando um futebol abaixo do esperado, basta dar uma conferida no desempenho dos escolhidos para as vagas (Arão e Geuvânio), pra perceber que ruim com a dupla titular, pior sem ela.

Após a decisiva partida do meio de semana, nosso compromisso pelo Brasileirão mais uma vez é contra adversário pré-julgado como sério candidato ao rebaixamento. Vamos observar. Apesar de que… Nós teremos a ida até a Colômbia como desculpa para um possível cansaço e desempenho abaixo do esperado (a gente espera?).

Hoje era dia de agradecer ao Julio Cesar pelo conjunto da obra como jogador e torcedor do Flamengo. Acabou ganhando um merecimento plus.

Obrigado, Julio Cesar, pela nossa primeira vitória no Brasileirão.

Bora torcer.

Isso aqui é Flamengo.

PETISCOS
. ARAME LISO. 64 x 36 na posse de bola pra gente, e 14 x 16 nas finalizações pra eles mostra o quanto isso aí é verdade.

. GOL DE PÊNALTI TAMBÉM É GOL. Engraçado como parte da imprensa (e até da torcida) parece querer diminuir o mérito do Dourado quando ele marca em penalidades máximas. Trecho de uma matéria no GE… “Dourado com dois gols – um deles de pênalti – garante vitória sobre o América-MG”.

. OITAVAS DEFINIDAS. Comentário maldoso que fiz lá na Filial Audiovisual: “Nosso adversário na Copa do Brasil é a Ponte. Na Sul-Americana AINDA não temos definição do confronto”.

. BOTECO INTERDITADO. A Filial Audiovisual original está temporariamente em obras. Precisando de uma ajuda do povo lá do GE para reativar. Vamos observar. Temporariamente os vídeos estão indo para o Canal Boteco do Flamengo II.

MESA DA ARCOIRIZADA
. DANÇA DA GUERRA. E pensar que toda a confusão em São Januário na final sub-20 da Taça Rio começou por causa de uma simples dancinha. Clima quente para Vasco e Flu da categoria no próximo sábado nas Laranjeiras.

. MENSAGEM SUBLIMINAR. Hmmm… Duas rodadas e outra vez o Botafogo fecha a tabela jogando na noite de segunda. Muito sugestivo.

MESA DA VODKA
. LEVANTA-TE E JOGA. Neymar abandonou as muletas.

MESA DA JOGATINA

. OBRIGADO, JULIO CESAR. Goleiro retribuiu bem a todos os cartoleiros (estou nessa) que fizeram uma homenagem escalando o cara no Cartola. 14 pontos marcados.


No Flamengo cheio de poréns dos últimos tempos parece que nada nunca é fácil.


Postar um comentário

[facebook]

FlamengoResenha

{facebook#https://www.facebook.com/FlamengoSouRubroNegro} {twitter#https://twitter.com/FlamengoResenha} {google-plus#https://plus.google.com/u/0/107993712547525207446} {youtube#https://www.youtube.com/channel/UCiHkjDj2ljgIbiv_zUvdG6g/videos}

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget