Após proposta, Cuéllar credita Rueda por permanência no Flamengo

O jogador revelou que esteve perto de sair do Flamengo no período em que esteve na reserva. Cruzeiro e Vitória tentaram contratá-lo.

EXTRA GLOBO: O volante colombiano Gustavo Cuéllar demorou para se firmar como titular no Flamengo. Contratado em janeiro de 2016, ele só conseguiu a sua vaga cativa no time principal no ano passado. Mais precisamente em agosto, quando Reinaldo Rueda assumiu o comando da equipe no lugar de Zé Ricardo.

Em entrevista ao site do “Fox Sports”, o jogador revelou que esteve perto de sair do Flamengo no período em que esteve na reserva. Cruzeiro e Vitória tentaram contratá-lo.

“Sim. Aconteceram (propostas de mineiros e baianos). Foi fato. Graças a Deus, fiquei. Foi difícil aguentar esse momento sem poder jogar. Trabalhei com muita humildade. Respeitava a decisão do treinador, que era um cara muito inteligente e vai fazer muito bem para o futebol brasileiro. Tive essa possibilidade (de sair), graças a Deus me mantive no Flamengo, demonstrei que posso jogar aqui e vou dar o melhor sempre por essa camisa. É um privilégio estar no Flamengo”, disse o jogador.

Foto: Gilvan de Souza
Ele reconheceu ainda que Rueda foi fundamental para a sua permanência.

“Ele me conhecia da Colômbia, me deu muita confiança e aproveitei da melhor maneira. Sempre dei meu melhor dentro do campo, vou continuar fazendo isso sempre que atuar por esse grande clube”, afirmou.

Cuéllar deve ser o único volante do Flamengo no amistoso contra o Atlético-GO, às 16h (horário de Brasília) deste sábado, no Estádio Olímpico, em Goiânia (GO).

A escalação provável do Flamengo é a seguinte: César, Rodinei, Réver, Juan e Renê; Cuéllar, Lucas Paquetá e Diego; Éverton Ribeiro, Everton e Diego. Mauricio Barbieri comanda a equipe.


Marcadores:

Postar um comentário

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget