Barbieri cogita o Flamengo no 4-4-2 contra o Santa Fe

COLUNA DO FLAMENGO: Maurício Barbieri chegou ao Flamengo em janeiro para ser auxiliar técnico na equipe de Paulo César Carpegiani. Com a demissão do técnico, após a eliminação no Campeonato Carioca pelo Botafogo, virou interino. Na falta de um nome incontestável de técnico para o Fla, e com o apoio dos jogadores, assumiu o comando do Mais Querido.

Barbieri está a frente do Mengão em dois jogos: um amistoso contra o Atlético GO – venceu de virada por 3×1 – e a estreia no Campeonato Brasileiro – empatou por 2×2 com o Vitória em Salvador. As características do treinador ainda são um mistério para a imprensa e principalmente para a torcida. Considerado estudioso, Maurício passou pela direção de quatro times antes de chegar à Gávea.

Maurício Barbieri e Maurício Souza no Flamengo - Foto: Gilvan de Souza
A versatilidade do técnico Rubro-Negro consiste em jogar em cima da fragilidade do adversário. Por exemplo, o Audax de Barbieri, em 2013, usou o 4-4-2 e venceu o Flamengo de Jorginho. Naquele ano terminou o Campeonato Carioca em sétimo lugar. Em 2015, usando o 4-3-3, chegou às quartas de final no Campeonato Paulista. No início de 2017, Barbieri assumiu o Guarani e utilizou o 4-2-3-1, mas o time não assimilou o esquema, foi eliminado do Paulistão, e Maurício demitido. No Desportivo Brasil, já no final do ano passado, o time do jovem técnico jogava no 4-4-2, e também chegou às quartas de final na Copa Paulista.

Observando a variação nos esquemas, o que podemos perceber é que Barbieri não é um técnico engessado a um modelo tático. Ele experimenta, joga de acordo com o material que tem em mãos. Em relação ao Flamengo, a tendência é que Maurício insista no 4-4-2, com dois meias na armação, dois volantes na proteção. Na frente, o técnico ainda pode utilizar Vinícius Júnior com Henrique Dourado ou mesmo após a volta de Guerrero, no dia três de maio, pode ser que o comandante utilize até os dois centroavantes.

O mistério acaba hoje, pelo menos em parte. Nesta quarta-feira (18), o Flamengo enfrenta o Santa Fe, pela fase de grupos da Copa Libertadores da América. A partida está marcada para às 21h45, no Maracanã. O Rubro-Negro lidera o Grupo 4, com quatro pontos ganhos.

A versatilidade do técnico Rubro-Negro consiste em jogar em cima da fragilidade do adversário.



Postar um comentário

[facebook]

FlamengoResenha

{facebook#https://www.facebook.com/FlamengoSouRubroNegro} {twitter#https://twitter.com/FlamengoResenha} {google-plus#https://plus.google.com/u/0/107993712547525207446} {youtube#https://www.youtube.com/channel/UCiHkjDj2ljgIbiv_zUvdG6g/videos}

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget