Jogadores que o Flamengo precisa recuperar

GOAL: A saída de Paulo César Carpegiani do comando técnico do Flamengo com apenas três meses de trabalho pode ser positiva para alguns atletas que perderam espaço com o treinador e acabaram ficando em segundo plano neste início de temporada.

O primeiro deles é Miguel Trauco, o lateral peruano, que inclusive disputará a Copa do Mundo da Rússia pelo Peru, perdeu a posição para Renê, que foi titular na maior parte dos jogos com Carpegiani. Ele disputou apenas três de 17 partidas sobre o comando do ex-comandante.

Titular absoluto na seleção chilena, Trauco teve bom início de temporada pelo Flamengo mas acabou caindo de rendimento, no entanto, ele só foi para o banco de reservas com Carpegiani, sua maior virtude é o poder ofensivo enquanto o seu ponto fraco é justamente a marcação.

Foto: Gilvan de Souza
Com esquema utilizado por Carpegiani, ele preferia um lateral com mais poder de marcação do que um que chegasse com mais facilidade ao ataque, por isso, Renê foi mais utilizado. No entanto, o jogador vinha sendo muito criticado pela torcida assim como o treinador.

Outro atleta que pode recuperar espaço na equipe é Willian Arão, o volante que chegou ao clube como grande contratação e se destacou bastante na primeira temporada, caiu muito de rendimento em 2017 e, por conta de uma lesão no início do ano, ficou de fora da briga por vaga no time titular.

Quando retornou, Carpegiani já havia encontrado um meio-campo e uma forma de postar a equipe dentro de campo. Mas com as atuações ruins, o treinador começou a fazer algumas modificações e Arão chegou a ganhar oportunidade como titular na reta final do treinador na equipe.

Com a chegada do novo comandante, o volante pode voltar a brigar por posição e quem sabe até recuperar seu espaço entre os titulares, já que será difícil que o novo treinador mantenha o que Carpegiani vinha escalando no meio-campo, que deixou a defesa do Flamengo bastante exposta.

Outro atleta que pode se beneficiar da chegada do novo treinador é Henrique Dourado, o atacante é titular da equipe mas não vem convencendo com seu desempenho muito em função da forma como a equipe jogada. Finalizar, ele precisa que o time atue mais próximo dele e que também busque a profundidade para explorar o cruzamento.

Desta forma, o novo treinador, que provavelmente mudará o esquema adotado por Carpegiani, pode chegar com a solução para o problema de Dourado e o time Rubro-Negro.



O primeiro deles é Miguel Trauco, o lateral peruano, que inclusive disputará a Copa do Mundo da Rússia pelo Peru, perdeu a posição para Renê,.

Postar um comentário

[facebook]

FlamengoResenha

{facebook#https://www.facebook.com/FlamengoSouRubroNegro} {twitter#https://twitter.com/FlamengoResenha} {google-plus#https://plus.google.com/u/0/107993712547525207446} {youtube#https://www.youtube.com/channel/UCiHkjDj2ljgIbiv_zUvdG6g/videos}

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget