"Rede Social no Flamengo tem influência absurda", revela Caetano

O dirigente afirmou que pressões externas colaboraram para a decisão da diretoria de mudar.

ESPORTE INTERATIVO: O ex-diretor executivo do Flamengo Rodrigo Caetano colocou a opinião das redes sociais e o ano eleitoral do Flamengo como motivos decisivos para a demissão do clube. ​Assim como o técnico Carpegiani, o dirigente, em entrevista ao Globoesporte.com, também considerou a troca precipitada e avaliou a importância que fatores "externos" têm no futebol rubro-negro.

"Já vivi períodos eleitorais em outros clubes. Obviamente é sempre um ano diferente. Inclusive, entre tantas mensagens que recebi, algumas foram de ex-dirigentes da oposição agradecendo pelo trabalho. Mas é óbvio que um ano eleitoral gera uma instabilidade maior. E não é só a questão política. As redes sociais no Flamengo têm influência absurda", disse.

Foto: Gilvan de Souza
"No Flamengo, o externo, às vezes, pauta o campo. Isso é um fenômeno novo que está tomando conta dos clubes do Brasil e é extremamente perigoso. Muitos não se identificam atrás das redes sociais. E trazem agressividade absurda, com calúnias e injúrias. Acaba que essa turma percebeu que tem força e pode pautar os clubes", continuou.

O executivo também valorizou as conquistas em termos de estrutura do departamento de futebol e até por contratações para defender o trabalho. Para ele, a palavra "reformulação" é usada fora de tom, já que o clube não estava "no caminho errado".


Marcadores:

Postar um comentário

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget