Três motivos para duvidar do Flamengo nesse Brasileirão

Uma reclamação vaga, mas que grande parte da torcida já deve ter feito quanto a atual equipe rubro-negra é que ela não tem uma “postura de Flamengo”.

ESPN FC: Por João Luis Jr

Por mais otimista que o rubro-negro costume ser – já vi gente gritando “rumo a Tóquio” após vitória da nossa equipe de League of Legends, por exemplo –, é fato que não começamos o Campeonato Brasileiro desse ano sem grandes motivos para animação. Vindo de uma temporada decepcionante em 2017, quando vencemos apenas o Carioca, já começamos 2018 deixando claro que isso não vai se repetir, já que dessa vez nem mesmo a taça do estadual fomos capaz de levantar.

E ainda que todo flamenguista entre em qualquer campeonato esperando sempre o título, seguem abaixo algumas das principais razões para que você não crie grandes esperanças nesse Flamengo, não cancele eventos para assistir jogos da equipe fora de casa, não renove aquele pacote da TV por assinatura se você achar que o valor subiu um pouco demais.

Willian Arão, Jonas e Rômulo, volantes do Flamengo - Foto: Gilvan de Souza
Não temos treinador: Nesse que claramente é um dos piores anos do Flamengo quando o assunto é “treinador”, fomos não apenas vítimas do ghosting de Rueda no começo da temporada como logo em seguida improvisamos um coordenador no cargo de técnico, apenas para que depois ele fosse demitido e fôssemos rejeitados por todos os treinadores de ponta com que fizemos contato. Nesse cenário surge Maurício Barbieri, treinador de 36 anos que se tornou um dos únicos sobreviventes da comissão técnica anterior. Vitorioso até hoje apenas em acessos de categorias inferiores de campeonatos estaduais, cai nas costas do professor interino a responsabilidade de ajeitar um time que Rueda e Carpegiani não conseguiram consertaram e, dependendo da situação do mercado, comandar o time no Brasileirão e na Libertadores. Pode dar certo? Claro que pode, torço para que dê. Mas é forçar demais a mística do interino que existe na história rubro-negra? Com certeza é.

Não temos laterais: Não é que o Flamengo seja o Real Madrid das Américas, claro. Réver não é exatamente um Sérgio Ramos, Cuellar não poderia ser confundido com Toni Kroos nem após uma série de plásticas e Vinícius Junior ainda precisa evoluir um pouco até ser o Cristiano Ronaldo de ébano que nós esperamos. Mas ainda assim é fato que nenhum setor rubro-negro é tão fraco e desesperador quanto as laterais, onde de um lado se revezam Pará e Rodinei, num duelo estilo Aliens x Predadores em que independente de quem ganhar nós vamos perder, e do outro Renê vem atuando tão mal que Everton acaba sendo improvisado, permitindo que Trauco possivelmente dedique seu tempo a ficar em dia com todas as 26 temporadas de Dr Who. É possível ser campeão brasileiro sem ter nenhum lateral decente? Claro, várias outras equipes já conseguiram. É mais fácil quando você tem ao menos um? Com certeza é.

Falta Flamengo a esse Flamengo: Uma reclamação um tanto quanto vaga mas que grande parte da torcida já deve ter feito quanto a atual equipe rubro-negra é que ela não tem uma “postura de Flamengo”. É um time que nunca parece se indignar o bastante com as derrotas, um grupo que tem uma atitude tranquila demais em momentos que exigiriam um pouco mais de intensidade e vibração, e que em 2017 reescreveu o famoso conceito flamenguista do “deixou chegar fodeu”, com duas finais em que realmente deixaram o nosso time chegar mas quem se fodeu fomos nós. Seguimos torcendo para que esse time mostre durante o Campeonato Brasileiro desse ano não apenas um futebol como também uma postura à altura da história e capacidade do clube? Claro. Mas com certeza ainda paira no ar o receio de testemunharmos cenas vagamente lamentáveis como as da última partida do Brasileirão passado em que comemoramos uma vaga dramática para a Libertadores como se fosse um título de campeão invicto do universo.


Marcadores:

Postar um comentário

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget