Vinicius Júnior deve herdar vaga de Everton no Flamengo

O menino de 17 anos é um dos destaques do Flamengo na temporada com seis gols em 14 jogos.

EXTRA GLOBO: O Flamengo inicia neste sábado a caminhada no Campeonato Brasileiro 2018 sem uma de suas principais peças: o meia Everton, que está de malas prontas para o São Paulo. Na ausência dele, quem ganha espaço para atuar pelo flanco esquerdo do ataque é o jovem Vinicius Júnior, que deve ser o titular do técnico Mauricio Barbieri contra o Vitória, às 19h, no Barradão.

O menino de 17 anos é um dos destaques do Flamengo na temporada com seis gols em 14 jogos. Em média de gols, supera, inclusive, Everton, que tem apenas três em 11 partidas.

Vinicius Júnior em treino do Flamengo - Foto: Gilvan de Souza
Já vendido ao Real Madrid pela bagatela de 45 milhões de euros (cerca de R$ 187 milhões), Vinicius, ao que tudo indica, disputará o seu segundo e último Brasileiro pelo Flamengo. É a chance de a promessa mostrar que já é realidade e cair de vez nas graças da torcida rubro-negra. A tendência é que ele se transfira para o Real no fim do ano.

No banco de reservas, outro jovem, o técnico Mauricio Barbieri, de 36 anos, estará no comando do Flamengo. Será o primeiro jogo oficial dele como treinador do Rubro-Negro. E ele tem total aprovação do elenco.

— Cada treinador tem sua característica, sua forma de trabalhar. Ele é um treinador que explica muito bem, tem muita tranquilidade. Apesar do momento de indecisões, demonstra muita tranquilidade, comando. A gente pode falar mais de perto do Mauricio, porque tivemos duas semanas de trabalho com ele — disse o goleiro Diego Alves, em entrevista coletiva concedida ontem, no Ninho do Urubu.

— Ele é muito estudioso, gosta de trabalhos intensos, pressão, compactação. A primeira impressão é de um cara tranquilo, seguro do que está fazendo. Inteligente, jovem, que também quer conquistar seus objetivos — acrescentou o goleiro.

O esquema tático utilizado por Barbieri é parecido com o que era utilizado por Paulo César Carpegiani, demitido recentemente. Com apenas um volante (Cuéllar) e três atacantes (Éverton Ribeiro, Vinicius Júnior e Henrique Dourado). O time, no entanto, parece mais organizado. Se apresentar o que apresentou na vitória por 3 a 1 sobre o Atlético-GO, em amistoso, tem tudo para se sair bem em Salvador.

Diego Alves lamenta ausência de Everton

A provável saída de Everton pegou o elenco do Flamengo de surpresa. O goleiro Diego Alves falou sobre o assunto, ontem, no Ninho do Urubu.

— Eu, particularmente, não sabia — afirmou Diego, antes de ressaltar a importância do meia no time rubro-negro: — É um jogador de extrema importância, um jogador que todos conhecem há muito tempo, que tem a confiança de todo o grupo. Lógico que as questões pessoais são decididas entre ele e a diretoria. A gente prefere não se intrometer nesse ponto. O que posso falar do Everton é no que diz respeito ao nosso time, o quanto ele é importante — disse o goleiro.

Everton era titular absoluto do Flamengo e um dos destaques há algumas temporadas. Em sua segunda passagem pelo clube (chegou em 2014), conquistou dois títulos. Os Cariocas de 2014, sobre o Vasco, e de 2017, sobre o Fluminense.

A perda de Everton, no entanto, não fará o Flamengo ir ao mercado atrás de um jogador para a posição. O clube considera ter jogadores de bom nível para a função como Vinicius Júnior e Marlos.


Marcadores:

Postar um comentário

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget