A garotada resolve

Depois de alguns dias de tensão e contestações violentas por parte das organizadas, o Flamengo já havia vivido 90 minutos de trégua no Castelão.

UOL: Nos momentos de crise, é de se esperar que os jogadores mais experientes deem um passo à frente e assumam a bronca. São eles, inclusive, os mais cobrados. Nas últimas duas vitórias do Flamengo pelo Brasileiro, os meias Diego e Éverton Ribeiro até deram sua contribuição. Mas, para que o time rubro-negro chegasse à liderança, dois de seus jogadores mais jovens têm sido preponderantes: Vinícius Júnior, 17, e Lucas Paquetá, 20.

No triunfo sobre o Internacional, por 2 a 0, Paquetá abriu o placar com finalização de fora da área, aproveitando rebote de sua própria cobrança de falta. Duas finalizações em uma, praticamente. Não surpreende: com dois gols cada, Paquetá e Vinícius são responsáveis por 44% dos gols da equipe e os flamenguistas que mais agridem o adversário no Brasileiro.

Vinicius jr em Flamengo x Internacional - Foto: Buda Mendes/Getty Images
Demorou para Vinícius ganhar espaço em campo. Talvez tenha demorado até demais. Ele já tentou 13 finalizações no campeonato. Paquetá arriscou 11 vezes. Ambos têm mais que o dobro daqueles que aparecem em sequência na lista: o zagueiro Réver e o centroavante Henrique Dourado, ambos com cinco.

Todo esse empenho dessa vez foi acolhido de modo caloroso pela arquibancada. Depois de alguns dias de tensão e contestações violentas por parte das organizadas, o Flamengo já havia vivido 90 minutos de trégua no Castelão. Mas nada melhor que selar a paz no Maracanã, com o maior público deste Brasileiro: 60.155 espectadores.


Marcadores:

Postar um comentário

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget