Acorda, Diego

O futebol apresentado foi pouco convincente, mas para a sorte do Flamengo o adversário era o fraquíssimo Emelec.

BRUNO VOLOCH: O Flamengo venceu e passou. Está nas oitavas. O futebol apresentado porém foi pouco convincente, mas para a sorte do Flamengo o adversário era o fraquíssimo Emelec.

Éverton Ribeiro e Cuellar foram os melhores. Rever não comprometeu.

Agora o resto, tirando Renê, foi duro.

Vinícius e Henrique Dourado mal.

O primeiro tem talento. A inexperiência, porém, leva o garoto a cometer erros primários. Chuta quando seria melhor passar e passa quando seria melhor chutar.

Diego ao lado de jogadores do Flamengo - Foto: Gilvan de Souza
Henrique Dourado veio pela capacidade de finalização e oportunismo. 100% nos pênaltis. Henrique, porém, tem mostrado pouca intimidade com a bola. É um erro compará-lo ao companheiro Guerrero. O peruano sabe sair da área, fazer o pivô e buscar jogo.

Dourado não. E o time não ajuda. Exige dele o que Dourado não sabe fazer.

Ninguém, no entanto, supera Diego que está jogando mal há muito tempo. Segundo consta, está 100% fisicamente e sem qualquer lesão.

A troca feita por Barbieri colocando Paquetá atrás e o camisa 10 na frente fez Diego apagar de vez.


Marcadores:

Postar um comentário

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget