Barbieiri injetou o DNA rubro-negro

GILMAR FERREIRA: Com um pouco de sorte, o Flamengo terá a chance de fechar a quinta rodada do Brasileiro com três pontos à frente do segundo colocado.

Se vencer a Chapecoense e o Palmeiras não superar o Corinthians em Itaquera, o time de Maurício Barbieri terá superado os dois pontos para o vice-líder.

E isso é algo que o clube não registra desde a nona rodada do Brasileiro de 2008.

Nem na conquista do título de 2009 o Flamengo conseguiu tal proeza.

Naquela oportunidade, a vitória por 3 a 0 sobre o Náutico aumentou de dois para cinco pontos a diferença para o segundo colocado.

O CAMINHO está muito bem pavimentado para a passagem do "bonde rubro-negro".

Maurício Barbieri, do Flamengo - Foto: Gilvan de Souza
Depois do jogo deste domingo na Arena Condá, o time fará no Maracanã sete das nove partidas que terá de cumprir até o recesso para a Copa do Mundo.

Sairá do Rio apenas para o jogo contra o Atlético-MG, na sétima rodada, e contra o Palmeiras, na 12ª.

E entre a sexta e a 14ª, enfrentará Vasco, Corinthians, Fluminense, Paraná, São Paulo e Botafogo.

Não é propriamente um caminho de flores, mas é menos espinhoso do que o de seus principais concorrentes.

INDEPENDENTEMENTE disso, e ao contrário dos que se apegam em erros e deficiências, tenho gostado da postura do time que não perde há oito jogos.

E que também não sofre gols há seis...

A marcação é feita no campo adversário, o preenchimento das linhas tem rigor tático e o empenho dos jogadores no fechamento dos espaços garente a solidez.

Como se não bastasse, Barbieiri injetou o DNA rubro-negro.

Hoje, a presença de jogadores como Leo Duarte, Paquetá, Vinicius Júnior, Jean Lucas e Lincoln dá sintonia com a torcida...

EM RESUMO, o Flamengo passou a ter um jogo mais coletivo e já não parece depender deste ou daquele jogador.

Emite claros sinais de riqueza com a mescla entre os "forasteiros" trazidos a peso de ouro e as pratas garimpadas na base.

Vejamos o resultado prático dessa alquimia...

O Flamengo passou a ter um jogo mais coletivo e já não parece depender deste ou daquele jogador.



Postar um comentário

[facebook]

FlamengoResenha

{facebook#https://www.facebook.com/FlamengoSouRubroNegro} {twitter#https://twitter.com/FlamengoResenha} {google-plus#https://plus.google.com/u/0/107993712547525207446} {youtube#https://www.youtube.com/channel/UCiHkjDj2ljgIbiv_zUvdG6g/videos}

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget