Dourado é arma do Flamengo para espantar fantasma na Liberta

Ele lamentou a ausência do camisa 9 e já "escalou" Dourado como o titular nesta noite.

UOL: Desde que colocou o pé na Gávea, o atacante Henrique Dourado teve de conviver com a sombra de Guerrero. Com o anúncio da suspensão de 14 meses do peruano, caberá ao Ceifador espantar o fantasma e ajudar o Flamengo a se livrar de uma assombração que atormenta o clube há anos. Nesta quarta-feira, o Flamengo recebe o Emelec, às 21h45, no Maracanã, em um jogo com ingredientes de uma decisão.

Caso vença o rival logo mais, o Fla carimba o passaporte rumo às oitavas de final da Copa Libertadores, algo que escapou dos dedos dos rubro-negros nas edições de 2012, 2014 e 2017, últimas vezes que o Fla jogou pelo sonho do bicampeonato continental. Se tropeçar no Maracanã, o Flamengo chegará na última rodada ameaçado de terminar sua participação com outro vexame, algo que seria desastroso para as ambições do clube.

Henrique Dourado comemorando gol no Flamengo - Foto: Gilvan de Souza
Jogador mais experiente do grupo, coube a Juan falar sobre o confronto. Ele lamentou a ausência do camisa 9 e já "escalou" Dourado como o titular nesta noite.

"O time está funcionando porque é um trabalho coletivo. Todos têm ajudado e isso começa lá no Dourado. Estamos muito chateados e tristes com o episódio (da suspensão). Foi uma injustiça muito grande com o Paolo. Nem entro na questão de o Flamengo perder muito. Isso é fato. Conta a questão humana", disse ele.

Ainda sob desconfiança de boa parte da torcida do Flamengo, o camisa 19 terá de assumir a tarefa de marcar os gols e conquistar os corações rubro-negros. Com a "ameaça" do retorno de Guerrero, o atacante teve de cortar um dobrado para agradar, ainda que tenha marcado oito gols em 19 jogos até aqui. Se for decisivo na "final", a sorte pode mudar para o artilheiro do último Brasileiro, agora "absoluto" na posição.

"Sabemos que será um jogo muito difícil, foi assim no Equador. Há algum tempo o Flamengo não vem conseguindo essa classificação. Amanhã (quarta) é um grande dia para nós", pontuou Juan.

Esquema especial
Após a púnição imposta pela Conmebol pela barbárie verificada na final da Copa Sul-Americana, o Maracanã estará de portas abertas para a torcida do Fla pela primeira vez na Copa Libertadores.

Para evitar novos problemas, as autoridades determinaram que não haverá entrada com o cartão-ingresso dos sócios-torcedores, o que obrigou os associados a trocarem seus bilhetes. Além das mudanças feita de acesso aos torcedores, haverá mudanças no trânsito das vias de acesso ao Maracanã, em esquema parecido que foi feito na Copa do Mundo de 2014.


Marcadores:

Postar um comentário

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget