Flamengo mostra que o Maracanã não pode sobreviver sem ele

LANCE: Por Luiz Fernando Gomes

A crise política e institucional que tomou conta do Estado do Rio deixou em segundo plano o futuro do Maracanã. No ano passado, por algumas vezes, o governador Luiz Fernando Pezão anunciou que a solução estava próxima, mas o que se viu foi um interminável jogo de empurra e dissimulação em que o futebol do Rio é o que mais sofre. Enquanto isso, a encrencada Odebrecht vai tocando o negócio, aos trancos e barrancos muito aquém do potencial do estádio.

Torcida do Flamengo no Maracanã lotado - Foto: Patrick Galdencio
Ontem, com 60 mil rubro-negros lotando as arquibancadas, uma evidência mais uma vez veio à tona. Qualquer que seja a forma de concessão que se venha a decidir, ela tem de passar pelo Flamengo. Não como um simples usuário, mas com poder de influenciar a gestão, de definir estratégias e repartir os lucros. Afinal, nenhum outro player que se envolva neste negócio terá a força do Fla para transformar o Maraca, outra vez, no templo maior do futebol brasileiro. A festa deste domingo que o diga!

Nenhum outro player que se envolva neste negócio terá a força do Fla para transformar o Maraca, outra vez, no templo maior do futebol brasileiro.



Postar um comentário

[facebook]

FlamengoResenha

{facebook#https://www.facebook.com/FlamengoSouRubroNegro} {twitter#https://twitter.com/FlamengoResenha} {google-plus#https://plus.google.com/u/0/107993712547525207446} {youtube#https://www.youtube.com/channel/UCiHkjDj2ljgIbiv_zUvdG6g/videos}

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget