Mogi recebe o Flamengo em jogo que pode fechar série

GLOBO ESPORTE: Chegamos ao quarto capítulo de Flamengo x Mogi. E como na última segunda-feira, o encontro marcado para as 14h deste sábado, no Ginásio Hugo Ramos, no interior de São Paulo, pode definir destinos. Vencendo a série semifinal por 2 a 1, os mogianos têm a segunda chance de fechar o mata-mata e eliminar o rival. Do outro, os rubro-negros seguem contra a parece e precisam do triunfo para igualar o confronto e assim levar a decisão para o Rio de Janeiro. Nos três primeiros jogos, motivação, energia, intensidade e defesa foram as palavras de ordem. No quarto embate, todos confessam, pressão e responsabilidade chegam junto assumindo também o protagonismo. O SporTV transmite ao vivo e o GloboEsporte.com acompanha em Tempo Real.

"A responsabilidade é nossa de ganhar para seguir. E fora de casa, mas sabemos lidar com isso", garante José Neto

- Playoff é muito ajuste. Saber o que deu certo, técnico, tático, mental. Eles fazem a mesma coisa. Observam o que castigou mais, o que deu certo. E tentam acertar e repetir. Fizemos isso essa semana, com muito ajuste. Mas acredito que acima disso está esse aspecto mental de executar o que precisa. Ficar focado para colocar em prática tudo o que trabalhou e procurou fazer. Só penso na palavra vitória. É nisso que temos que pensar. Não penso em final de temporada, no jogo 5. E sim só no que temos hoje. Temos essa oportunidade - frisa o treinador do Flamengo José Neto.

Foto: Divulgação
Em 2016, também em uma semifnial, Mogi das Cruzes esteve na mesma situação em que se encontra agora. Contra o mesmo Flamengo. Vencendo a série por 2 a 1, lotou o Hugão e tinha a chance de fechar em casa. Mas perdeu. E o time carioca fechou em 3 a 2 no Rio de Janeiro indo para o título. O repeteco deste roteiro é tudo que o elenco de Mogi não quer. E é nesse histórico de que a virada é novamente possível que o Flamengo se abraça. Durante a semana, a cidade comprou o barulho e esgotou em poucas horas os 4.500 ingressos disponíveis. Do Rio, os flamenguistas também mostraram confiança adquirindo todos as 500 entradas de direito. É nesse caldeirão de emoções e possiblidades que os rivais se encontrarão.

"Você precisa passar por isso para aprender. Isso nos deixou mais alerta. É deixar tudo na quadra", diz Shamell

- Quatro dias antes do jogo você já não aguenta mais esperar. Temos que ter mais intensidade do que no jogo 3. Eu também posso jogar melhor, ser mais agressivo. É xadrez. Jogo 1 e 2 eles não se achavam. No jogo 3 conseguiram. Agora é a nossa vez. Você precisa passar por isso para aprender. Isso nos deixou mais alerta. É deixar tudo na quadra. Se estivermos focados, deixando tudo, podemos sair classificados - conta Shamell, do Mogi.

Olivnha também vê Mogi pressionado

Grande nome do jogo 3, Olivnha pegou oito rebotes ofensivos e anotou 20 pontos na partida que manteve o Flamengo vivo na série semifinal. Ele espera conseguir o mesmo neste sábado e acredia que se levar a melhor nos rebotes, o Rubro-Negro tem tudo para vencer. O pivô também estava em quadra no fatídico jogo 4 de 2016. E para ele, apesar das mudanças nas equipes, o retrospecto a favor dos cariocas, que já haviam eliminado Mogi em outra semifinal, pode ajudar e mesmo vencendo por 2 a 1, Mogi pode sim entrar pressionado.

- Talvez Mogi sinta mais por jogar dentro de casa, por ter a pressão de fechar e pelo histórico do confronto. Já vencemos um jogo 4 aqui e fechamos no Rio. Esperamos fazer o mesmo. Novamente teremos o jogo da vida. Só resta vencer ou vencer. Não pode pensar em outra coisa. Se a nossa equipe começar bem, abrindo uma diferença no início do jogo, eles podem sentir a pressão. O ginásio estará lotado. A torcida pode pegar no pé, parar de cantar, de apoiar. E aí temos que aproveitar esse momento se acontecer. Se conseguirmos começar bem, de repente a pressão em cima deles pode ficar até um pouco maior - conta Olivinha.

Se o Flamengo perder e for eliminado, o jogo será também o último da carreira de Marcelinho. O camisa 4, aos 43 anos, está se aposentando, o que já havia decidido desde o começo do NBB. Se o Flamengo triunfar, o jogo 5 acontece na terça-feira, dia 15, às 20h, na Arena Carioca 1.

Guerrinha rechaça retrospecto

Se Olivinha se abraça na história do duelo, Guerrinha a ignora, afinal de contas, como gosta de lembrar, nem técnico do Mogi ele era. Após a derrota no jogo 3, no Rio, o treinador trabalhou em cima da intensidade da equipe e das opções ofensivas para romper a defesa do Flamengo, que funcionou bem na última segunda-feira. O comandante quer um Mogi espero nas duas extremidades, mas rechaça a ideia de revanche.

- Basquete é um esporte que você joga no ataque e na defesa ao mesmo tempo. A série tem sido marcada por espírito, intensidade, todo mundo brigando para ir na final. Temos que ter tudo isso nesse jogo. Conversamos individualmente, fizemos ajustes com relação ao jogo 3, o basquete é construído nos detalhes. A maior pressão que tem é de você com você mesmo. Todos querem ajudar o time. Estatística só é mantida quando é o mesmo time, técnico, equipe. O Flamengo mudou. Mogi mudou. Passaram-se anos. Sobre 2016, quem era o técnico? Pergunta para o Danilo (Padovani, técnico da equipe na oportunidade). Agora é o Flamengo de 2018, o Mogi de 2018. O presente é o que interessa para a gente. Se for assim, vou pegar meu currículo de ex-armador e colocar de titular no jogo. Três jogos na série já foram, agora o que manda é o quarto jogo - explica Guerrinha.

Flamengo (1º) 1 x 2 Mogi (4º)

Jogo 1 - 28/04 - Mogi 79 x 62 Flamengo - Ginásio Hugo Ramos
Jogo 2 - 4/05 - Flamengo 74 x 88 Mogi - Arena Carioca 1
Jogo 3 - 7/05 - Flamengo 71 x 64 Mogi - Arena Carioca 1
Jogo 4 - 12/05 - Mogi x Flamengo - Ginásio Hugo Ramos, às 14h
Jogo 5 - Flamengo x Mogi - Arena Carioca 1, 15/05, às 20h (se necessário)

Grande nome do jogo 3, Olivnha pegou oito rebotes ofensivos e anotou 20 pontos na partida que manteve o Flamengo vivo na série semifinal.



Postar um comentário

[facebook]

FlamengoResenha

{facebook#https://www.facebook.com/FlamengoSouRubroNegro} {twitter#https://twitter.com/FlamengoResenha} {google-plus#https://plus.google.com/u/0/107993712547525207446} {youtube#https://www.youtube.com/channel/UCiHkjDj2ljgIbiv_zUvdG6g/videos}

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget