Capitão da Suécia detona Guerrero por participação na Copa

ESPORTE INTERATIVO: Em entrevista, o zagueiro e capitão da seleção da Suécia, Andreas Granqvist, se mostrou completamente contrário à presença do atacante peruano Paolo Guerrero na Copa do Mundo.

De acordo com o atleta europeu, "A cocaína deve render uma suspensão de dois anos por doping, então não sei como ele conseguiu voltar. É muito triste que ele tenha sido punido por utilizar um produto não autorizado e, mesmo assim, esteja liberado para jogar. Não sei como é possível, muitos também se surpreenderam com isso".

Guerrero comemorando gol pelo Peru - Foto: Divulgação
O capitão ainda coloca em dúvida o argumento de que o resultado positivo do exame antidoping se deu por conta de um chá de coca tomado por Guerrero.

"Acho que foi sim em busca de uma melhora de desempenho, mas não quero fazer nenhum outro comentário, apenas que isso não é permitido. Se ele foi punido por isso, deveria estar inapto a jogar".

Vale lembrar que o jogador do Peru foi punido pelo Tribunal Arbitral do Esporte (TAS), sendo proibido de atuar e treinar com a equipe do Flamengo e com a seleção por 14 meses. Porém, o Tribunal Federal Suíço concedeu uma liberação para que o atleta da Blanquirroja pudesse atuar na Copa da Rússia.

O capitão ainda coloca em dúvida o argumento de que o resultado positivo do exame antidoping se deu por conta de um chá de coca.



Postar um comentário

[facebook]

FlamengoResenha

{facebook#https://www.facebook.com/FlamengoSouRubroNegro} {twitter#https://twitter.com/FlamengoResenha} {google-plus#https://plus.google.com/u/0/107993712547525207446} {youtube#https://www.youtube.com/channel/UCiHkjDj2ljgIbiv_zUvdG6g/videos}

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget