Flamengo sinaliza com mais espaço para Base e busca por reforços

ESPORTE INTERATIVO: Carlos Noval foi efetivado ao cargo de diretor de futebol no início de abril. O dirigente encontrou um cenário adverso: time recém-eliminado do Campeonato Carioca, sem treinador e a auto-estima abalada. O desafio não era fácil, mas, com calma, Noval foi levantando a moral dos jogadores. Mas como fez isso? Mostrando confiança e dando respaldo a cada atleta do elenco.

O primeiro passo foi depositar toda a confiança no (por enquanto) interino técnico, Mauricio Barbieri. Sem melhores opções no mercado, Noval, mesmo com a torcida contra, "assumiu a bronca" e bancou Barbieri, que está surpreendendo e superando as expectativas.

Diretoriado Flamengo acompanhando treino - Foto: Gilvan de Souza
O resultado todos sabem: o Flamengo é líder do Campeonato Brasileiro, com seis pontos de vantagem para o segundo colocado, está nas oitavas de final da Libertadores e nas quartas de final da Copa do Brasil. Depois de muitas tentativas, Noval, enfim, aceitou dar uma entrevista exclusiva para o Esporte Interativo, a primeira desde que assumiu o cargo.

Durante os quase 20 minutos de entrevista, Carlos Noval se mostrou seguro no cargo e passou "as dúvidas a limpo". O dirigente disse que ainda tem esperanças na permanência de Vinicius Junior, falou que o Flamengo vai buscar reforços e revelou que a diretoria já conversa com Paquetá para poder aumentar a multa rescisória do meia e muito mais.

Confira abaixo a entrevista na íntegra:

Você chegou e encontrou um ambiente completamente abalado. Três meses depois, o cenário é diferente. Qual é o segredo desse sucesso?

Uma pergunta bem difícil. Foi gestão pessoal mesmo. Dia a dia no trabalho. Tentei mostrar que o elenco tem qualidade. Aquele trabalho de formiguinha. Um trabalho para demonstrar a confiança nos jogadores e em todo elenco. Mostramos que a gente acreditava em todos.

Você conversou pessoalmente com os jogadores?

Meu dia a dia é sempre esse. Meu jeito de fazer gestão é estar sempre com eles. Sempre com esse respaldo neles.

O Barbieri gosta muito de conversar com os jogadores e observar. É o que vocês têm em comum?

Com certeza. Acho isso fundamental. Você passar essa confiança para a pessoa. Isso é muito importante no dia a dia. Quando a massa desconfia, mas você (dirigentes) passam confiança.

Quando você decidiu apostar em Barbieri?

Eu fui pego de surpresa. Quando seis pessoas saíram. Barbieri era um treinador que eu já acompanhava. Eu já quis trazer o Barbieri para ser treinador do Sub-20. Eu já conhecia e monitorava. Quando ele veio no final do ano passado para ser auxiliar foi muito satisfatório. Nesse momento, eu não tive dúvida ao deixá-lo. Sei da capacidade dele.

Ele vai ser efetivado?

É uma tendência. O Barbieri tem a nossa confiança. A tendência é que isso aconteça.

Como é o contrato dele hoje?

Ele é CLT e é funcionário do Flamengo. Hoje ele é treinador do Flamengo e continua.

Já tem a negociação para que ele seja efetivado?

A tendência é essa.

Quando que a efetivação vai ser decidida? Tem data?

Não tem data. A tendência é que ocorra. A tendência é que seja na parada da Copa do Mundo.

Acha que ele ser "interino" ainda deixa o trabalho dele sem pressão?

Não acredito nisso. Ele tem uma postura muito boa em relação a isso. A gente conversa muito. A confiança nele é total e ele também confia muito na gente.

Como a diretoria está trabalhando para não perder jogadores na janela de transferência?

Existe hoje muita especulação. Nada que seja firme. Em relação a isso estamos tranquilos pois não veio proposta. Logicamente, se vier alguma proposta, a gente vai tentar cobrir a proposta. Caso não dê jeito, a gente vai atrás de outras peças.

O Flamengo planeja apresentar um projeto para que Paquetá não saia em breve?

O desejo para todos seria isso. Mas eles têm uma multa rescisória. Se pagarem essa multa, a gente não pode fazer nada. A ideia é fazer isso, para que o jogador fique por mais tempo.

Existe a chance de renovar com Paquetá por mais tempo para que aumente a multa rescisória dele?

Sim. Isso é uma coisa que já está sendo analisado.

Já iniciaram essa negociação?

A gente tem conversado bastante sobre isso.

O Flamengo vai se reforçar no meio da temporada?

Nós estamos monitorando o mercado justamente para isso. Se tiver como, e se tiver que fazer contratação, o mercado está mapeado e com certeza iremos fazer.

Depois que você foi efetivado, os jogadores da base passaram a ter mais oportunidades. Isso foi decisão sua?

Não foi só minha. Fiz parte porque conheço esses meninos. Mas isso foi exclusivamente decisão do Barbieri.

A presença dos jovens pode fazer que o Flamengo fique mais tímido nas contratações?

A ideia é sempre olhar para a base. Temos que olhar com carinho. Antes de ir ao mercado, certamente vamos olhar para a nossa casa.

Vinicius está de partida do Flamengo?

Vinicius hoje ainda é jogador do Flamengo. Não posso dizer que ele saiu. Ele tem contrato com o clube ainda. É um menino que está há muito tempo. Feliz com esse processo na vida dele. Se ele sair, vamos atrás de reposição.

Qual foi o esforço que o Flamengo fez ou faz para manter Vinicius no Flamengo?

O esforço é uma coisa em conjunta. Tem decisão sua, do Real e do atleta. Lógico que a gente quer que ele fique, mas depende do atleta e do Real também. Não depende só do Flamengo.

Tem esperanças ainda?

A gente sempre tem esperanças de mudar o quadro. Logicamente a gente quer ele com a gente. A alegria dele, a ousadia, estamos tentando, mas é dificil. Depende dos três lados. Vinicius é a cara do Flamengo. Cria da gente. Ele representa o que a massa gosta. Gosta de jogador assim, alegre e com ousadia. Isso que a gente estimula sempre.

Algum dirigente do Flamengo vai para a Espanha conversar com o Real Madrid?

Isso aí está sendo conversado. Entre a gente e o Real. Estamos tentando...

Vitinho é um nome estudado para repor a provável saída de Vinicius Junior?

É especulação, mas é um jogador que se o Vinicius for embora, interessaria ao Flamengo. É um grande jogador. Mas a gente pode pensar isso lá na frente, dependendo do que vai acontecer com o Vinicius.

*Vitinho esteve com jogadores do Flamengo depois da vitória do Flamengo sobre o Paraná, e a torcida pediu a contratação do jogador.

Walace é um jogador que interessou e ainda interessa, né?

Qualquer bom nome vai interessar ao Flamengo. Hoje é tudo especulação. Não temos negociação por enquanto.

O volante Arão vem sendo pouco utilizado. Existe a chance de ele ser negociado?

O Arão hoje é jogador do Flamengo e faz parte dos planos. Não tem negociação pra saída dele. Arão faz parte e a gente confia nele.

Como está a situação do atacante Guerrero?

Estamos conversando com o atleta e o procurador. É uma decisão que vai depender do efeito suspensivo. Isso está na mão do jurídico. Dependendo do que acontecer a gente vai tratar a renovação.

Com a saída dele, o Flamengo vai atrás de um substituto?

Não só com a saída de Guerrero, mas também do Vizeu. Estamos mapeando o mercado.

Vagner Love ainda interessa mesmo com as condições feitas pelo atleta?

Volto a dizer. Todo bom jogador interessa ao Flamengo. Volto a dizer. Ainda é tudo especulação. As exigências não dificultam. É tudo especulação. Pode ser que venha e não venha. Qualquer bom nome, interessa ao Flamengo.

O Flamengo, então, ainda não desistiu de Love?

Não é isso. Volto a dizer, não tem nada de concreto.

Ronaldo é um jogador que a torcida depositava muita esperança, mas não vingou. O que vai ser feito com ele?

Ronaldo está treinando com o grupo. A gente vai tentar analisar para o que for melhor para ele e para o grupo. Se Barbieri entender que ele vai ser utilizado, ele vai ser utilizado. Se entendermos que é melhor ser emprestado, ele vai ser emprestado.

Reinier Jesus está pintando como a próxima joia do Flamengo. Ele pode aparecer esse ano entre os profissionais?

Reinier é um dos mais promissores da base, mas tem que ter calma. Ele tem apenas 16 anos. Fez agora. Tem potencial enorme. Agora, tem jogadores que a gente não consegue segurar e começa a voar. Vai depender dele. Tem que ter calma. Tem potencial enorme, mas como foi Vinicius, tem que ter calma para chegar no momento certo.

Lincoln não está tendo chances com Barbieri. Isso pode deixar o jogador desmotivado?

Acho que um atleta que está no profissional do Flamengo não tem porque ficar desmotivado. Ele tem treinado bem, mas volto a falar. A opção de jogar ou não é de Barbieri. É um menino que tem muito potencial. A hora dele vai chegar.

Dourado ficou muito tempo sem jogar. Conversou com ele pessoalmente?

A conversa sempre foi de incentivo. Ele não fez gols, mas tem ajudado bastante o time. Só enxergam o atacante quando faz gol. A gente sempre incentiva.

Por que o Flamengo não vai renovar com Ederson?

Ederson hoje continua no Flamengo. Quando encerrar o contrato dele, a gente decide. Vamos sentar para analisar.

O Flamengo tentou a contratação do Zeca, mas acabou não dando certo. A diretoria vai buscar alguém na posição?

Hoje nós temos o Renê muito bem. Teve o resgaste do Renê. Conseguiu corresponder, o Trauco que é jogador de Seleção e Michel está subindo da base.

O Flamengo vai buscar reforços e revelou que a diretoria já conversa com Paquetá para poder aumentar a multa rescisória do meia e muito mais.


Postar um comentário

[facebook]

FlamengoResenha

{facebook#https://www.facebook.com/FlamengoSouRubroNegro} {twitter#https://twitter.com/FlamengoResenha} {google-plus#https://plus.google.com/u/0/107993712547525207446} {youtube#https://www.youtube.com/channel/UCiHkjDj2ljgIbiv_zUvdG6g/videos}

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget