Segue o líder

REPÚBLICA PAZ E AMOR: Por Arthur Muhlenberg

Lideranças transitórias, goleadas, recordes de bilheteria, oba-oba ilógico ou afagos da imprensa esportiva ao Flamengo irritam, enchem o saco, mas não são suficientes para instalar o pânico na arcoirislândia. Para que o estado de calamidade pública se instale naquela terra triste e invejosa é preciso muito mais do que isso. Para nosso gáudio e gargalhadas eternas o que todos os malvestidos mais temem está acontecendo, o Flamengo vem mostrando consistência. E que é um osso duro de roer. É o terror, meus amigos, o terror.

O Flamengo não está jogando pacaralho, está até bem longe de tal condição. Mas tem jogado o suficiente para se manter com a cabeça fora d’água e se segurar na parte da cima da tabela, a despeito de todas as forças contrárias que se agrupam para cortar a sua vibe. Não é uma novidade que a imprensa alienígena treme, baba e tem verdadeiras convulsões com o Flamengo no topo da tabela. Para justificar suas patriotadas alegam que a tabela beneficiou o Flamengo, que o nosso desempenho é o pior da história, que nossos jogadores são ruins e a nossa torcida, bissexta. Chola mais que tá pouco, buchas!

Diego Ribas, do Flamengo - Foto: Gilvan de Souza
Em plena fase legalzinha o Flamengo mal tomou conhecimento do bahêa no Maracanã. Jogou sua bolinha, marcou os gols que merecia e deu até a impressão de que não botou na mesa todas as cartas que tinha. Reparem que 2×0 é o placar exato para mostrar superioridade sem resvalar na euforia que um 3×0 provoca nos mais empolgados. Diego Alves foi impecável, a zaga esteve bem, Renê, como todo cara bonito que nasce em Ipanema e tem 40 milhões de amigos jogou muito e deu os passes pros gols de Diego e Paquetá.

Diego, que parou de ficar penteando a bola e melhora a cada jogo e Paquetá, esquecendo os dibrinhos inúteis e só rabiscando pra frente, parecem finalmente ter voltado do mundo dos mortos-vivos onde Everton Ribeiro penou uma boa etapa. E até o estudioso Barbieri vem mostrando evolução. Mas calma lá, era o bahêa, né? Contudo, isso aqui não é vasca, isso aqui é Flamengo. E a torcida, que vem dando show atrás de show, mostrou como é que se reage a um time com raça, amor e paixão e às políticas socialistas de precificação. Mulambos unidos jamais serão vencidos.

Mas é bom segurar a onda e não se empolgar demais com essas lideranças na matinée, ainda não se jogou nem 25% do campeonato. O campeonato é longo, a janela é uma incerteza e depois da Copa tudo pode mudar. Mas é claro que é muito melhor estar em 1º do que em 2º ou 13º. Animadores mesmo são as estatísticas que anunciam, urbi et orbi, que o Flamengo tem o melhor ataque, a 2ª melhor defesa e o melhor saldo de gols do campeonato. Nos 4 jogos que faltam antes da paralização do país tem que continuar isso, viu?

Pra encerrar, deixo aquela pulga amiga pra ser usada à guisa de brincos. Tem muita gente que por soberba, ou por achar que é coisa de time pequeno, não gosta de tocar no assunto arbitragem. Frescura e desnecessária mania de grandeza. É preciso falar, sim. E mais preciso ainda que a diretoria exerça pressão, firme e continuada, sobre a Comissão de Arbitragem da CBF. Principalmente agora que estamos ganhando, o que robustece nossos argumentos.

Se os flamenguistas não combatem o péssimo habito de roubar o Flamengo, que parece ser compartilhado pela juizada sem vergonha em peso, quem é que vai combater? Get up, stand up: stand up for your rights! Contra o bahêa, além de não coibir a violência da rapaziada de Itinga o carequinha gaúcho deixou de anotar pênalti pornográfico no Dourado e inventou uma mão inexistente do Everton Ribeiro. Estamos de olho, sem vergonhas! Get up, stand up: don’t give up the fight!

E no mais, tudo na mais perfeita paz. Segue o líder.

Mengão Sempre

Em plena fase legalzinha o Flamengo mal tomou conhecimento do bahêa no Maracanã.



Postar um comentário

[facebook]

FlamengoResenha

{facebook#https://www.facebook.com/FlamengoSouRubroNegro} {twitter#https://twitter.com/FlamengoResenha} {google-plus#https://plus.google.com/u/0/107993712547525207446} {youtube#https://www.youtube.com/channel/UCiHkjDj2ljgIbiv_zUvdG6g/videos}

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget