Zico celebra vitória do Japão na Copa

O GLOBO: A vitória do Japão sobre a Colômbia por 2 a 1, nesta terça-feira, mexeu com o coração de um brasileiro: Zico, ídolo tanto lá como aqui, treinou a seleção japonesa de 2002 a 2006, e sentiu-se como um participante do triunfo.

"Fui eu que lancei na seleção o Hasebe, que é o capitão hoje. Ele deveria ter uns 20 anos em 2005, e quase o levei para a Copa da Alemanha, em 2006", disse, sem esconder a empolgação: 

"Estou muito feliz mesmo. Lógico que eles tiveram a situação facilitada pela expulsão logo no início, mas souberam usufruir da vantagem, principalmente no segundo tempo".

Foto: Divulgação
O jogo fez Zico viajar no passado. Lembrou-se de seus tempos de jogador, treinador e dirigente do Kashima, nos anos 1990. 

"Shoji, Shibazaki - um dos melhores em campo - e Osako, que fez o segundo gol, saíram do Kashima".

O coração está dividido. Nem tão Brasil, nem tão Japão... "Sou Brasil, Japão e Portugal", encerrou o ídolo do Flamengo.

O coração está dividido. Nem tão Brasil, nem tão Japão... "Sou Brasil, Japão e Portugal", encerrou o ídolo do Flamengo.



Postar um comentário

[facebook]

FlamengoResenha

{facebook#https://www.facebook.com/FlamengoSouRubroNegro} {twitter#https://twitter.com/FlamengoResenha} {google-plus#https://plus.google.com/u/0/107993712547525207446} {youtube#https://www.youtube.com/channel/UCiHkjDj2ljgIbiv_zUvdG6g/videos}

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget