Flamengo estuda envolver Lincoln em negociação por Vitinho

EU, RIO: Por Wilson Pimentel

Depois de uma longa negociação e de alguns capítulos, a contratação do atacante Vitinho pelo Flamengo está perto de ser fechada. Os dirigentes rubro-negros acertaram com os representantes do jogador um contrato de 5 anos e o pagamento das luvas pelo período do vínculo.

Aos 24 anos, Vitinho chega para ser a maior contratação do Flamengo nesta janela de transferências. Ele vai receber um salário R$ 800 mil, além de R$ 6 milhões no ato da assinatura mais R$ 14 milhões divididos em 60 parcelas, totalizando R$ 20 milhões o valor da bonificação. Vitinho ainda pode lucra mais R$ 300 mil mensais em contratos de imagem e ações de marketing.

Vitinho e Lincoln - Foto: Divulgação
Todo o processo foi autorizado pelo presidente Eduardo Bandeira de Mello e tem a anuência do vice de futebol Marcelo Lomba, do CEO do clube Bruno Spindel e do diretor executivo Carlos Noval.

Com diferentes formas de negócios, os envolvidos estudam a melhor alternativa de a transferência acontecer. O negócio não é considerado simples e todos analisam a melhor manobra financeira para sacramentar a negociação. Nesse momento, algumas modalidades de acordo foram conversadas. A principal delas envolve a compra do atacante de forma parcelada ou até incluindo outros atletas na negociação. Internamente, cogita-se a possibilidade do jovem Lincoln, cria das divisões de base do Flamengo, ser envolvido na transação com o CSKA.

Todos os dirigentes envolvidos nesta negociação não falam sobre o assunto, mas trabalham em diferentes frentes para que Vitinho seja jogador do Flamengo. Todos estão tendo de ser pacientes para obter sucesso na operação. Para o negócio ser oficializado, falta a liberação do CSKA, que não aceita reduzir a pedida de 10 milhões de euros (cerca de R$ 45 milhões) pela liberação do atleta. Vitinho está em Viena, na Áustria, para a preparação do CSKA, visando à disputa da próxima temporada europeia.

A contratação de Vitinho serve para reduzir a pressão interna sobre o presidente Eduardo Bandeira de Mello, que vem sendo cobrado pela falta de títulos expressivos ao longo dos dois mandatos à frente do Flamengo.

Ele vai receber um salário R$ 800 mil, além de R$ 6 milhões no ato da assinatura mais R$ 14 milhões divididos em 60 parcelas.

Postar um comentário

[facebook]

FlamengoResenha

{facebook#https://www.facebook.com/FlamengoSouRubroNegro} {twitter#https://twitter.com/FlamengoResenha} {google-plus#https://plus.google.com/u/0/107993712547525207446} {youtube#https://www.youtube.com/channel/UCiHkjDj2ljgIbiv_zUvdG6g/videos}

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget