Arrascaeta se torna protagonista em reencontro com o Flamengo

UOL: Há pouco menos de um ano, na final da Copa do Brasil contra o Flamengo, Arrascaeta foi uma peça importante do Cruzeiro, autor do gol de empate no jogo do Maracanã que deixou o time mineiro vivo para ficar com a taça na partida de volta. Agora pela Libertadores, o camisa 10 reencontrará o Fla, mas com um status ainda maior. Não mais reserva de luxo, o uruguaio virou titular e protagonista no Cruzeiro a ponto de ocultar o tarimbado Thiago Neves e chegar à 'decisão' como maior esperança de boas jogadas na equipe de Mano Menezes.

Dos 14 jogos do Cruzeiro na campanha do penta da Copa do Brasil, Arrascaeta só começou como titular em seis ocasiões. A partir das quartas de final, o jogador perdeu a concorrência para Alisson, que formou o sistema ofensivo com Thiago Neves, Robinho e Sóbis. Nem por isso deixou de entrar no decorrer das partidas e corresponder. Na primeira final contra o Fla, ganhou uma chance faltando dez minutos e marcou o gol de empate aos 38 do segundo tempo. Na grande decisão, substituiu Raniel, lesionado, e praticamente jogou todo o tempo. Campeão pela primeira vez, saiu como um dos heróis da conquista.

Foto: Divulgação
"Foi muito importante quando fiz aquele gol na final, me lembrou também quando o Uruguai venceu o Brasil na final. É muito simbólico. São campos difíceis, os rivais tornam mais difíceis esses jogos, o Flamengo está em uma fase muito boa, tem um elenco qualificado, será muito difícil para nós", comentou.

Mais maduro e totalmente ambientado ao Cruzeiro, a temporada de 2018 tem mostrado a evolução de Arrascaeta. Nos números, o rendimento já bate o ano passado, quando marcou onze gols e deu três assistências em 43 jogos. Atualmente, o já conta com dez gols e cinco assistências em 32 compromissos.

Não bastasse a boa fase, Arrascaeta é hoje o principal nome do Cruzeiro. Apesar de uma apresentação tímida na Copa do Mundo, o uruguaio retornou da Rússia voando. Nas sete partidas que jogou até aqui, fez gol ou ofereceu uma assistência em cinco desses jogos. Ao todo, marcou três gols e fez o serviço de garçom por outras duas vezes. Tamanho desempenho desbanca companheiros como Robinho, mesmo em boa fase, e tira o protagonismo de Thiago Neves, nome mais badalado do atual elenco, mas que não atravessa um bom momento.

Mais maduro e totalmente ambientado ao Cruzeiro, a temporada de 2018 tem mostrado a evolução de Arrascaeta.


Postar um comentário

[facebook]

FlamengoResenha

{facebook#https://www.facebook.com/FlamengoSouRubroNegro} {twitter#https://twitter.com/FlamengoResenha} {google-plus#https://plus.google.com/u/0/107993712547525207446} {youtube#https://www.youtube.com/channel/UCiHkjDj2ljgIbiv_zUvdG6g/videos}

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget