Barbieri justifica insistência do Flamengo com cruzamentos

GLOBO ESPORTE: O técnico Barbieri não engoliu a derrota do Flamengo por 2 a 0 para o Cruzeiro, nesta quarta-feira à noite, no Maracanã, e disse, em entrevista coletiva, que a equipe tinha estudado a jogada que resultou no primeiro com dos visitantes. O comandante acredita que o Rubro-Negro não conseguiu tirar a Raposa da zona de conforto.

- Levamos um gol muito cedo em um erro nosso, em jogada que havíamos estudado do Arrascaeta. Isso deixou o Cruzeiro confortável o tempo todo. Não conseguimos tirá-los da zona de conforto. Criamos chances, mas não conseguimos fazer. Resultado ruim, sentimento de frustração meu e de todos os atletas. Não imprimimos o jogo que podemos fazer. Ficamos presos ao jogo do Cruzeiro. Entendemos a frustração, mas precisamos virar a página - disse o técnico.

Rodinei, lateral do Flamengo - Foto: Gilvan de Souza
Durante a partida de ida das oitavas de final da Libertadores, o Flamengo cruzou 23 bolas na área do goleiro Fábio, contra só nove do Cruzeiro diante de Diego Alves. Barbieri explicou a estratégia:

- Em relação ao número de cruzamento, varias coisas contribuem. O cruzeiro se fecha muito no corredor central e teríamos que explorar as laterais do campo. A ideia era levar vantagem por ali, mas não pela bola aérea, onde eles são muito fortes. Tivemos chances no primeiro tempo e no segundo, com dois homens de área, partimos mais para o cruzamento e tivemos chance com o Vitinho - falou.

O técnico Barbieri lamentou a situação complicada na Libertadores.


Postar um comentário

[facebook]

FlamengoResenha

{facebook#https://www.facebook.com/FlamengoSouRubroNegro} {twitter#https://twitter.com/FlamengoResenha} {google-plus#https://plus.google.com/u/0/107993712547525207446} {youtube#https://www.youtube.com/channel/UCiHkjDj2ljgIbiv_zUvdG6g/videos}

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget