Contratado a peso de ouro, Dourado vira 3ª opção no Flamengo

TORCEDORES: Por João Vitor Rocha

Henrique Dourado era um dos jogadores mais desejados do mercado no início do ano. Após entrar em litígio com o Fluminense, o jogador custou a bagatela de R$ 11,5 milhões aos cofres do Flamengo e chegou como artilheiro do Brasileirão de 2017. Depois do primeiro semestre, na volta da Copa do Mundo, Ceifador jogou apenas três minutos nos últimos sete jogos.

No jogo do Flamengo contra o Cruzeiro, nesta última quarta-feira (8), pela Copa Libertadores da América, Henrique Dourado não foi nem relacionado para o banco de reservas. O jogador perdeu espaço para Fernando Uribe, recém-contratado durante a Copa do Mundo, e o garoto Lincoln, de 17 anos. De artilheiro do Brasileirão e disputado no mercado, Ceifador acabou virando terceira opção no ataque Rubro-Negro.

Henrique Dourado no Flamengo - Foto: Gilvan de Souza
A única aparição de Dourado no pós-Copa com a camisa do Fla foi no jogo contra o Santos, pelo Brasileirão. O atacante entrou aos 42 minutos do segundo tempo. O último gol foi contra o Fluminense, no dia 7 de junho. De lá para cá, já foram nove partidas.

Curiosamente, Ceifador é o vice-artilheiro do Flamengo na temporada, com novo gols, atrás apenas de Vinícius Júnior, que fez dez. Mesmo assim, no primeiro semestre, quando era titular, Dourado passou oito jogos seguidos sem balançar as redes.

Depois do primeiro semestre, na volta da Copa do Mundo, Ceifador jogou apenas três minutos nos últimos sete jogos.


Postar um comentário

[facebook]

FlamengoResenha

{facebook#https://www.facebook.com/FlamengoSouRubroNegro} {twitter#https://twitter.com/FlamengoResenha} {google-plus#https://plus.google.com/u/0/107993712547525207446} {youtube#https://www.youtube.com/channel/UCiHkjDj2ljgIbiv_zUvdG6g/videos}

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget