Flamengo só virou uma partida no ano

O DIA: Os jogadores do Flamengo têm mostrado instabilidade emocional. Uma oscilação que se reflete tanto nos resultados finais dos jogos quanto na forma como os mesmos são construídos. Sem poder de reação, o time se abala facilmente quando sofre um gol. Por outro lado, se sai na frente, muitas vezes no início do jogo, consegue segurar a onda. Na derrota para o Atlético-PR, mais uma vez tal diagnóstico esteve evidente. O Furacão abriu o placar aos dez do primeiro tempo e, 11 minutos depois, já vencia por 3 a 0.

"Temos uma equipe com profissionais de psicologia que trabalha esse aspecto emocional dos jogadores", afirmou o vice de futebol do clube, Ricardo Lomba.

Lucas Paquetá e Fernando Uribe em Atlético-PR x Flamengo - Foto: Divulgação
Aliás, o Flamengo só ganhou de virada uma vez este ano: 2 a 1 sobre o Emelec, no dia 14 de março. Resultado que, na época, serviu de demonstração de força. Mesmo fora de casa, o time buscou o resultado com dois gols de Vinicius Júnior, aos 33 e aos 40 do segundo tempo.

Antes da Copa do Mundo, porém, a boa fase demandava pouca capacidade de correr atrás do resultado. Isso mudou, porém, na retomada da temporada, à exceção do jogo de ida das quartas de final da Copa do Brasil, quando, no último lance, o time buscou o empate em Porto Alegre, com gol de Lincoln.

Um dos sinais da fragilidade psicológica é a falta de atenção. Gols sofridos no início do jogo, ou do segundo tempo, são manifestações desse sintoma. Na maior das tragédias, o Cruzeiro, pela Libertadores, calou o Maracanã e deixou o Rubro-Negro em choque ao inaugurar o marcador aos 10 da etapa inicial. Aos 33 da final, ampliou a vantagem que a equipe tentará inverter na próxima quarta-feira.

O Flamengo perdeu de 1 a 0, no Maracanã, para o São Paulo, com gol aos 2 do segundo tempo. Ao levar o último gol da derrota por 2 a 0 para os reservas do Grêmio, aos 2 do segundo tempo, o time deixou flagrante os efeitos do primeiro, sofrido nos acréscimos da primeira etapa.

Em contrapartida, se sai na frente, mesmo no começo, o Rubro-Negro apresenta outro comportamento. O gol de Everton Ribeiro aos 5 minutos de jogo, foi suficiente para garantir a classificação à semifinal da Copa do Brasil.

Nas vitórias sobre Sport e Botafogo, ambas pelo Brasileiro, o Flamengo marcou cedo e saiu vitorioso. Contra o Santos, também abriu logo o placar e, mesmo na Vila Belmiro, saiu de campo com um ponto.

Aliás, o Flamengo só ganhou de virada uma vez este ano: 2 a 1 sobre o Emelec, no dia 14 de março.



Postar um comentário

[facebook]

FlamengoResenha

{facebook#https://www.facebook.com/FlamengoSouRubroNegro} {twitter#https://twitter.com/FlamengoResenha} {google-plus#https://plus.google.com/u/0/107993712547525207446} {youtube#https://www.youtube.com/channel/UCiHkjDj2ljgIbiv_zUvdG6g/videos}

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget