Maurício justifica entrada de Pará: "Tem um bom cruzamento"

EU, RIO: Após a derrota por 2 a 0 para o Cruzeiro na noite desta quarta-feira (08) que dificultou as coisas para o Flamengo na Copa Libertadores, o técnico Maurício Barbieri tratou de deixar bem claro que nem tudo está perdido e que segundo ele, o time tem condições de reverter a situação no próximo dia 29 de agosto, quando as duas equipes voltam a se enfrentar pela Libertadores.

Na coletiva de imprensa, o comandante rubro-negro se disse que equipe errou demais e acabou ficando presa ao jogo do adversário.

"É um resultado ruim, o sentimento é de frustração meu e de todos os atletas no vestiário, a gente conversou bastante sobre isso. Eu acho que a gente não conseguiu imprimir o jogo que a gente sabe que pode fazer e acabamos errando demais e enfim, ficando presos ao jogo do Cruzeiro", explicou ele que creditou o gol levado ainda no começo da partida como fator que deixou o time ansioso. "Eu acho que o gol muito cedo deixou a gente numa situação desconfortável e ai realmente a gente deixou a ansiedade tomar conta do jogo. De uma maneira ansiosa, querendo definir as jogadas muito rápido, a gente não teve paciência para circular a bola e buscar os espaços, que é uma coisa que gente vinha fazendo sempre bem".

Pará, lateral do Flamengo - Foto: Gilvan de Souza
Barbieri admite que não foi uma noite feliz da sua equipe, mas segundo ele o time teve algumas oportunidades.

"O que fica de saldo, se é que a gente pode levar, é que conseguimos criar um bom número de chances em relação a equipe do Cruzeiro que é uma equipe muito forte e que fez um jogo confortável aqui dentro, mas não é uma equipe imbatível. Recentemente perdeu por 2 a 0 lá no Mineirão para o São Paulo, né? Então a gente sabe que a gente tem uma missão muito difícil, mas a gente tem condições de enfrentar esse desafio."

Treinador não pensa em priorizar brasileiro ou Copa do Brasil

Ele falou ainda que entende o fato do torcedor estar chateado, mas lembrou que equipe ainda tem outras partidas importantes pela frente na temporada.

"Natural, é a nossa frustração também. Mas a gente precisa virar a página agora, a gente tem outras decisões pela frente e a gente passa a pensar em Libertadores novamente quando for o momento lá na frente".

Quando questionado se após o revez dessa noite, pretendia priorizar o campeonato brasileiro ou a Copa do Brasil, o comandante rubro-negro mostrou confiança.

"Nossa prioridade sempre é o próximo jogo, ir para esse caminho (de priorizar as outras competições) seria assumir uma inverdade de que a gente não poder reverter o quadro lá".

Opção por Pará

Por fim Maurício Barbieri explicou que a substituição de Rodinei, alvo da torcida por ter falhado diversas vezes durante o jogo.

"Rodinei é um jogador que tem essa característica de apoiar, ajuda bastante a gente vindo de trás em velocidade, sempre cria muito problema para o adversário, mas no final do jogo era um momento em que ele não vinha bem e a gente buscava opções para pelo menos diminuir o placar, o Pará tem um bom cruzamento e a gente tinha colocado duas referências dentro da área (Uribe e Lincoln) e você precisa que a bola chegue lá né"?

Tentando se recuperar também no Campeonato Brasileiro, após também perder para o Grêmio no último sábado e ver o São Paulo roubar sua liderança no domingo, o Flamengo enfrenta o Cruzeiro novamente no Maracanã pela competição nacional no próximo domingo às 16h.

Treinador do Flamengo admitiu que não foi uma noite feliz da sua equipe, mas segundo ele o time teve algumas oportunidades.

Postar um comentário

[facebook]

FlamengoResenha

{facebook#https://www.facebook.com/FlamengoSouRubroNegro} {twitter#https://twitter.com/FlamengoResenha} {google-plus#https://plus.google.com/u/0/107993712547525207446} {youtube#https://www.youtube.com/channel/UCiHkjDj2ljgIbiv_zUvdG6g/videos}

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget