Rodinei é, disparado, o pior de Flamengo 0 x 2 Cruzeiro

LANCE: Apesar do Maracanã lotado e o bom momento vivido pelo Flamengo, o rubro-negro saiu com uma derrota de 2 a 0 do Rio de Janeiro nesta quarta-feira, pelo primeiro jogo das oitavas de final da Taça Libertadores, e se complicou na competição internacional. Em uma noite ruim dos comandados de Maurício Barbieri, o L! deu nota aos atletas do clube carioca (Por Matheus Dantas - matheusdantas@lancenet.com.br)

Diego Alves - 6,5 - Cara a cara com De Arrascaeta, nada pôde fazer para impedir o gol do camisa 10, assim como no de Thiago Neves. No fim, evitou prejuízo maior.

Rodinei - 3,5 - O erro de posicionamento no gol do Cruzeiro foi o suficiente para a torcida perder a paciência com o camisa 2, que errou demais na frente.

Réver - 4,0 - Teve problemas com o veloz ataque do Cruzeiro, em especial com as bolas enfiadas por De Arrascaeta. Foi envolvido no segundo gol rival.

Rodinei em Flamengo x Cruzeiro - Foto: Gilvan de Souza
Léo Duarte - 4,5 - Travou bom duelo com Barcos, mas atuou abaixo do que vinha apresentando. A defesa, como um todo, esteve apática em uma decisão.

Renê - 4,0 - Forçou alguns cruzamentos - até em faltas próximas à área -, todos sem sucesso. Na parte defensiva, teve problemas como todos companheiros.

Cuellar - 4,5 - Assim como Rodinei, vacilou no lance em que Arrascaeta abriu o placar. No combate, ficou devendo. O Cruzeiro teve espaço na entrada da área.

Jean Lucas - 5,0 - Com a missão de substituir Paquetá, demorou para encontrar-se em campo. Um pouco nervoso, talvez, errou lances simples, mas melhorou.

Diego - 6,0 - Chamou o jogo quando o time estava acuado pela marcação alta do rival. Mesmo bem marcado, foi quem melhor fez a transição para o ataque.

Éverton Ribeiro - 4,0 - Errou demais nas tomadas de decisões, forçando as jogadas pela lateral. Mudou de função na etapa final e seguiu rendendo abaixo do esperado.

Marlos Moreno - 6,0 - Foi quem se salvou no início ruim do Flamengo como um todo. Criou bons lances, mas teve problemas na hora de finalizar contra a meta rival.

Uribe - 6,0 - A bola chegou ao centroavante, que, desta vez, não marcou por conta das boas defesas de Fábio. Apesar da derrota, mostrou certa evolução.

Vitinho - 5,5 - Ainda mostra uma falta de entrosamento e adaptação ao estilo de jogo do Flamengo. Preso à ponta esquerda, levou pouco perigo ao gol rival.

Lincoln - 5,5 - Entrou e atuou mais centralizado, ao lado de Uribe, mas a verdade é que a boa não chegou. Ainda tentou sair da área, mas foi bem marcado.

Pará - 5,5 - Entrou no fim do jogo, já com o 2 a 0 a favor do Cruzeiro no placar. Teve pouco tempo para alterar o panorama do jogo - e não o fez.

O erro de posicionamento no gol do Cruzeiro foi o suficiente para a torcida perder a paciência com o camisa 2, que errou demais na frente.

Postar um comentário

[facebook]

FlamengoResenha

{facebook#https://www.facebook.com/FlamengoSouRubroNegro} {twitter#https://twitter.com/FlamengoResenha} {google-plus#https://plus.google.com/u/0/107993712547525207446} {youtube#https://www.youtube.com/channel/UCiHkjDj2ljgIbiv_zUvdG6g/videos}

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget