Thuler, Juan e Renê são os piores de Grêmio 1 x 0 Flamengo

LANCE: O Flamengo vai voltar de Porto Alegre com um gosto amargo. O Rubro-Negro não se encontrou coletivamente e virou presa fácil para os reservas do Grêmio na noite deste sábado, na Arena, em Porto Alegre. O resultado pode determinar a perda da liderança para o São Paulo na sequência da 17ª rodada. Diego Alves, Paquetá e Everton Ribeiro se salvaram.

Confira as notas! (Por Alexandre Araújo - alexandrearaujo@lancenet.com.br).

6,0 - Diego Alves - Pegou um pênalti e não teve culpa nos gols. Ainda fez defesas importantes no segundo tempo, evitando derrota pior.

5,0 - Rodinei - Protagonizou o lance que acabou em pênalti para o Grêmio. Não esteve em uma das melhores noites.

4,5 - Thuler - Ficou no “meio do caminho” e fez parte do setor que errou no lance que acabou no segundo gol do Grêmio, de Marinho.

Thuler em Grêmio x Flamengo - Foto: Lucas Uebel/Getty Images
4,5 - Juan - Falhou no primeiro gol do Grêmio ao tentar se antecipar na jogada e “largar” a marcação de Jael, que cabeceou para o fundo da rede.

4,5 - Renê - Fez uma boa tabela com Everton Ribeiro, mas foi só. Na parte defensiva, sofreu um pouco na marcação de Marinho.

5,5 - Cuéllar - Fez o que era esperado, mas, pendurado, recebeu cartão por reclamação. Atitude conta na avaliação.

5,0 - Jean Lucas - Mais preso à marcação, teve atuação tímida e não apareceu muito. Foi substituído no começo do segundo tempo.

6,5 - Paquetá - Foi um dos melhores em campo. Tentou organizar o meio de campo e dar passes em profundidade. Atuação um pouco acima do restante do time.

6,0 - Everton Ribeiro - Deu um susto em uma finalização de longa distância e, depois, jogou mais recuado ajudando na criação. Na média.

5,5 - Vitinho - Sem Diego, buscou mais o jogo, mas sem cair tanto pelas pontas. Apesar das chances, não teve sucesso nas bolas paradas. Foi discreto.

5,0 - Uribe - Buscou sair mais da área e “apertar” a zaga adversária, mas, ainda assim, participou pouco da partida. No fim, perdeu chance clara de gol.

5,0 - Geuvânio - Entrou buscando “abrir” mais o time. Caiu pela direita e conseguiu um cruzamento, mas esbarrou na marcação pelo setor.

5,0 - Marlos - A avaliação poderia ser a mesma do Geuvânio. Escolhido com o mesmo objetivo e teve os mesmos problemas, mas pela esquerda.

5,0 - Lincoln - Deu um chute forte que Paulo Victor conseguiu pegar sem muita dificuldade. Apareceu mais quando discutiu com Cortez.

5,0 - Maurício Barbieri - Apostou em preservar algumas peças, mas o time não conseguiu corresponder. Talvez, entrosamento tenha falado mais alto.


Ficou no “meio do caminho” e fez parte do setor que errou no lance que acabou no segundo gol do Grêmio, de Marinho.

Postar um comentário

[facebook]

FlamengoResenha

{facebook#https://www.facebook.com/FlamengoSouRubroNegro} {twitter#https://twitter.com/FlamengoResenha} {google-plus#https://plus.google.com/u/0/107993712547525207446} {youtube#https://www.youtube.com/channel/UCiHkjDj2ljgIbiv_zUvdG6g/videos}

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget