Um show de horrores

FALANDO DE FLAMENGO: Por Thiago Nascimento

Insosso. Esse é o termo que podemos utilizar para a partida o futebol do Flamengo demonstrado na noite de Sábado contra o time Grêmio.

Se o clube do Sul levou a campo o time reserva, o Flamengo apresentou em campo um futebol que nem o seu time reserva seria capaz de (apesar de ter entrado em campo com diversos titulares).

O time rubro negro apresentou um futebol de nível técnico baixíssimo. Aliás… durante a partida, o time do Flamengo parecia estar de ressaca por conta do empate épico conquistado nos últimos minutos da partida contra o próprio Grêmio na quarta feira passada.

Thuler durante Grêmio x Flamengo - Foto: Lucas Uebel/Getty Images
Com uma zaga formada por Thuler e Juan, Diego fora do meio de campo (esse tem que ser reserva mesmo) e Marlos Moreno que tem tido até boas atuações após a volta do Brasileirão após a parada para a Copa do Mundo, o Flamengo iniciou a partida defendendo a liderança do Campeonato Brasileiro.

A expectativa de toda a torcida Rubro Negra e de todos aqueles que militam no futubol Brasileiro, era de que o Mais Querido apresentasse um futebol de alto nível e até goleasse o adversário. Afinal de contas, o líder do campeonato ir à campo contra um equipe que levou a campo um time reserva.

Outro fator importante que abriria as portas para o Flamengo, foi atuar em um estádio vazio. Ou seja, se pouquíssimos torcedores compareceram ao estádio para apoiar o seu time de coração, esse foi um indicativo de que o Flamengo não sofreria nenhuma pressão vindo das arquibancadas. Logo, o caminho para uma vitória por pelo dois gols de diferença, já se desenhava no imaginário da torcida Rubro Negra espalhada por todo o Brasil.

Porém… ao contrário do que a Nação Rubro Negra esperava, o jogo foi um show de horrores. Sabe lá o porquê, o Flamengo costuma adotar o tiki taka em muitas de suas partidas. Sim isso mesmo, o horripilante e chatíssimo tiki taka. Esse mesmo tiki taka que o técnico Pep Guardiola tanto odeia.

Sim é isso mesmo que você leu. Pep odiava que rotulassem o time do Barcelona no qual ele comandava como sendo a equipe do tiki taka.

Ao contrário do que todos pensam… o tiki taka nada mais é, do que a posse de bola excessiva e inútil em uma partida de futebol.

O tiki taka por si só, não traz perigo nenhum ao adversário. E convenhamos… inútil e inofensivo, é algo que aquele timaço do Barça dirigido por Pep, nunca foi. Afinal de contas, aquele time marcou época no futebol mundial por marcar muitos gols, ser agressivo e ser extremamente vitorioso na maioria dos campeonatos que disputou. E contra números, não há argumentos. E se mesmo assim alguém tiver dúvida do que escrevo aqui, basta consultar a extensa lista de títulos que aquele Barcelona conquistou sob o comando de Pep Guardiola.

Para quem não teve a oportunidade de ler os livros (“Guardiola Confidencial” e “Guardiola A revolução) que detalham um pouco a carreira de Guardiola, leia algumas declarações do técnico que foram descritas no site Goal.com clicando aqui.

Voltando a análise do jogo… com a aplicação inútil do tiki taka, o Flamengo teve amplo domínio da bola, o time rubro negro pouco levou perigo ao gol do Grêmio. Em determinados momentos da partida, o Flamengo alcançou 82,58%, 81,54% e 75% da posse de bola (esse levantamento foi levado em conta a posse de bola alcançada no minuto 20, no minuto 60 e no minuto 40).

Com a esdrúxula e excessiva troca de passes no meio de campo, o Flamengo praticamente desconheceu a linha de fundo. Como podemos ver nos mapa de calor abaixo, o Flamengo abriu mão de utilizar pontas e a chegada dos seus dois laterais para chegarem na linha de fundo para efetuarem cruzamentos e chegadas dentro da área através dos dribles.

O ataque do Flamengo que tinha até pouco tempo, o jogador contestado por muitos(Guerrero) por sair quase sempre da pequena área, demonstra que a atual formação do ataque do Flávio continua se mostrando ineficiente. Afinal de contas, o time efetuou na partida de ontem 8 arremates para o gol. E 7 deles foram de fora da área. Com exceção do chute de Uribe que estava bem próximo do gol e conseguiu acertar a trave no finzinho da partida

Talvez o problema do time não seja um jogador em sí (não estou defendendo o Guerrero), e sim, da disposição tática que o ataque do Flamengo vem atuando nos últimos três anos. Portanto, se o Barbieri não alterar essa forma dos jogadores (Lincon, Uribe e Dourado) atuarem… mais há frente teremos o retorno do discurso: ” temos atacantes que atuam fora da área e fazem poucos gols”.

Durante o desenrolar da partida, Éverton Ribeiro se movimentou de forma interessante. Tal jogador atuou em todos os lados do campo. Mas infelizmente o time como um todo acompanhou o seu ritmo. Já Vitinho, atuando mais pela faixa central do campo, sofreu com diversas chegadas violentas e faltas. Mas apesar de não criar grandes jogadas, ao menos demonstrou que não se preocupa com intimidação do adversário. Então, ponto pra ele.

Já a defesa do Flamengo, tomou dois gols nas costas dos zagueiros. Fato esse que já havia acontecido no jogo da rodada anterior do Brasileirão.

Alô Barbieri! TREINE O POSICIONAMENTO DESSA DEFESA!

Além dos dois gols, o Flamengo teve um pênalti contra a sua meta. Sorte nossa que o Diego Alves defendeu. Pois caso ao contrário, a derrota seria ainda mais vergonhosa.

No segundo tempo, o Flamengo continuou preguiçoso e não conseguiu sequer assustar o adversário pra valer.

Há atitude do time Rubro Negro dentro de campo foi tão fraca, que não há desculpas plausíveis para os 90 minutos jogados no sábado à noite.

Vejamos na próxima quarta-feira, o Flamengo atuará com atitude de time grande ou se o time entrará em campo para praticar o horripilante tiki taka.

Particularmente, eu torço para que a gestão de futebol e a comissão técnica, escolham a primeira opção.

Abraços e até a próxima!

** E aí, gostou do texto? Então me siga Twitter através do endereço @t_nascimentorj e deixe a sua sugestão, crítica ou elogio.

Saudações Rubro Negras.

Outro fator importante que abriria as portas para o Flamengo, foi atuar em um estádio vazio.

Postar um comentário

[facebook]

FlamengoResenha

{facebook#https://www.facebook.com/FlamengoSouRubroNegro} {twitter#https://twitter.com/FlamengoResenha} {google-plus#https://plus.google.com/u/0/107993712547525207446} {youtube#https://www.youtube.com/channel/UCiHkjDj2ljgIbiv_zUvdG6g/videos}

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget