Manto Sagrado

FALANDO DE FLAMENGO: Por Thiago Nascimento

Desde 1985, o que marca o Clube de Regatas do Flamengo como um símbolo do futebol brasileiro, são as cores do seu Manto sagrado: o Vermelho e o Preto.

Embora o clube tenha utilizados as cores azul e o amarelo durante um certo tempo, é fato que durante o crescimento e a consolidação do clube no mundo do futebol (seja no Brasil ou fora dele), ocorreu com o clube já utilizando as cores Vermelha e Preta.

Ao longo do tempo, o uniforme e o escudo do clube passaram por diversas transformações. Porém… o Vermelho e Preto, sempre estiveram lá. Formando uma combinação bonita e imponente.

Essas cores estão definitivamente na mente de todos. Seja você, torcedor do Flamengo ou não. Seja você, amante do futebol ou não.

Foto: Divulgação
É muito comum… ver marcas dos mais variados produtos, “apelarem” para que alguns de seus produtos sejam forjados nas cores Vermelha e Preta. Seja a marca patrocinadora do clube ou não.

Afinal de contas… quem nunca foi ao shopping (por exemplo), e de repente viu a sua companhia apontar para algum produto nas cores preta e vermelha e em seguida dizer para você:

“Olha esse modelo aqui. Esse produto é para quem torce para o Flamengo.”

Tenho certeza que todos que estão lendo esse texto, já passaram por essa situação. E se você não passou por esse tipo de situação, com certeza… você já presenciou essa cena em algum lugar.

Tem também aquela situação clássica no qual muitas pessoas que não gostam do Flamengo, e que costumam dizer o seguinte:

” Não uso blusa vermelha e não compro nada na cor vermelha, pois essa cor lembra o Flamengo.”

Esse é o poder da marca Flamengo. Uma marca que arrebata milhões e milhões de pessoas. Sejam elas… torcedoras do Flamengo ou não. Sejam as marcas, patrocinadoras do Flamengo ou não.

Todo e qualquer torcedor (ou fã, como se diz no continente europeu) do Flamengo, se orgulha de vestir o Manto sagrado. Seja uma camisa modelo 2018, seja uma camisa antiga e quase desbotada de tanto ser utilizada nas décadas de 70,80 ou 90, ou até mesmo… uma camisa com um sentimento inigualável e que foi herdada do pai, do avô ou bisavô. Fato é, que os flamenguistas adoram envergar a camisa do Flamengo. Não importa o dia ou hora. Quem torce para o Mais Querido do Brasil, adora vestir rubro negro.

Boa parte desse orgulho, vêm não só da felicidade de ver o Flamengo ser um clube que agrega todos os tipos de pessoas, mas também porquê esse sentimento se traduz em amor e respeito pelo próximo. Afinal de contas… Flamengo é sinônimo de Amizade, Amor, Raça e Paixão.

O uniforme do Flamengo também carrega uma imensa História de Glórias. E esse espírito de clube Vencedor, é aquilo que atrai atenção de milhares de pessoas no Brasil e no mundo.

Há algum tempo, eu escrevi sobre esse espírito vencedor que a camisa do Flamengo tem. Clique aqui e leia.

Porém… de uns anos para cá. O marketing aterrissou de maneira intensa no futebol. Atualmente… as camisas do clubes de futebol, expõem muitas marcas que pouco agregam perante ao torcedores daquele clube. Além disso, muitos clubes transformaram as suas camisas, em coisas horrendas. Isso sem contar no efeito “macacão de fórmula um“( devido ao excesso de marcas expostas em uma camisa de time de futebol). E infelizmente, o Flamengo também está incluido nesse contexto.

Ao contrário dos clubes Europeus que sempre investem em relacionamentos duradouros com os seus patrocinadores, os clubes brasileiros em sua maioria, se preocupam na maioria das vezes… apenas com o momento presente. Ou seja, pensam apenas no valor financeiro a curto prazo.

E em função disso, trocentos patrocinadores expõem as suas marcas nos clubes de futebol. E por diversas vezes clubes… muitos clubes aceitam patrocinadores pontuais (apenas uma ou um conjunto de partidas). E em função dessa filosofia de gestão de muitos departamentos de Marketing, a camisa dos clubes brasileiros viraram um verdadeiro “classificados de jornal“.

Por exemplo, você torcedor do Flamengo, você consegue se lembrar de “bate pronto”, quantas marcas foram expostas na camisa do Flamengo nos últimos anos? E nos últimos vinte anos, você lembra?

Pois é… esse é o efeito negativo da inclusão de diversos patrocinadores pontuais na camisa do Flamengo. O torcedor sequer consegue se lembrar do nomes das marcas. O torcedor sequer criou uma empatia e um hábito de consumo para com as marcas expostas na camisa do clube.

Será que isso é bom para os patrocinadores? E para o clube como anunciante, será que essa filosofia de marketing é boa? Será que esse tipo de business perante ao mercado de publicidade-marketing, vale a pena?

Será que no atual mundo do “futebol-business“, esse tipo de postura do Flamengo e de outros clubes, é bem visto por potenciais mercados de publicidade-marketing nacional (ou internacional)?

Outro agravante relacionados ao marketing esportivo, é a enxurrada de modelos de camisas de futebol. Além de trocar constantemente os modelos, há uma imensa desfiguração das cores do clube. O Flamengo por exemplo, recentemente lançou uma camisa azul. Horrorosa. Pavorosa.

Tenho certeza, que essa é a maior vergonha institucional que o Flamengo já passou perante ao mundo do futebol e especialmente… perante aos seus apaixonados torcedores.

Até que ponto esses modelos de camisa horrororas/macacões de fórmula um, conseguem espalhar ainda mais o nome do Flamengo?

Será que a maioria dos torcedores do clube se identificam com esses modelos que mudam toda temporada? Será que os torcedores gostam de comprar essas camisas que mais parecem um macacão de fórmula um?

É óbvio que desse tipo de atitude “espanta” os torcedores. Além dos preços serem altíssimos para a maioria dos brasileiros, isso também faz com que os torcedores do Flamengo, pouco se identifiquem e pouco criem empatia com as marcas que patrocinam o clube.

É claro que anunciantes rendem um bom dinheiro de patrocínio para o clube. Entretanto, é preciso gerar um equilíbrio razoável entre a paixão e o dinheiro. E o clube, junto do seu departamento de marketing, precisam trabalhar de forma competente e pró-ativa nesse sentido.

Hoje… as camisas de clubes de futebol são caríssimas. Sim existe todo custo de produção, revenda, etc… Mas por quê não, diminuir um pouco a margem de lucro e obter um lucro maior ainda ao vender muito mais camisas do Flamengo em uma quantidade ainda maior ? Pois… com mais camisas do Flamengo sendo envergadas no Brasil e no mundo afora, todos sairiam ganhando: o patrocinador que teria mais visibilidade/retorno do seu produto/serviço, o clube que aumentaria a exposição da sua marca institucional e o fornecedor de material esportivo. Que também ganharia com uma venda muito maior de camisas do Flamengo.

Será que é tão difícil de se chegar a essa conclusão?

É bem verdade que, devido ao cenário econômico externo e interno, essa não seria uma atitude simples de ser posta em prática. Porém… estamos falando de Flamengo. Logo, nada é simples e fácil. Portanto, as pessoas quem se sentam naquelas cadeiras… têm que estar preparadas para tomar a frente de atitudes e iniciativas como essas.

A razão de ser do Flamengo e do seu lindo Manto Rubro Negro, são as Glórias conquistadas no futebol e nos demais esportes. Entretanto… ser eficiente e eficaz na divulgação da imagem institucional do clube e se posicionar de forma inteligente no mercado de Marketing esportivo também.

Abraços e até a próxima!

** E aí, gostou do texto? Então me siga Twitter através do endereço @t_nascimentorj e deixe a sua sugestão, crítica ou elogio.

Saudações Rubro Negras.

Essas cores estão definitivamente na mente de todos. Seja você, torcedor do Flamengo ou não. Seja você, amante do futebol ou não.

Postar um comentário

[facebook]

FlamengoResenha

{facebook#https://www.facebook.com/FlamengoSouRubroNegro} {twitter#https://twitter.com/FlamengoResenha} {google-plus#https://plus.google.com/u/0/107993712547525207446} {youtube#https://www.youtube.com/channel/UCiHkjDj2ljgIbiv_zUvdG6g/videos}

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget