Outubro...

GILMAR FERREIRA: A seleção brasileira ainda terá mais sete amistosos até a estreia na Copa América em junho do ano que vem aqui no Brasil.

Competição que tem lá sua relativa importância no cenário continental, mas que nem por isso deveria ser tratada em grau superior ao interesse dos clubes.

Acontece que no Brasil a cultura do enfrentamento é superior à capacidade do entendimento e em outubro já teremos novo embate entre a CBF e os clubes.

O time do agora criticado Tite venceu os Estados Unidos na sexta-feira (2 a 0) e joga nesta terça-feira contra El Salvador ainda em solo americano.

Lucas Paquetá e Neymar na Seleção - Foto: Pedro Martins
E os dois próximos amistosos já estão confirmados para os dias 12 e 16 de outubo, em Riade e Jidá, respectivamente, contra Arábia Saudita e Argentina.

Como são duas "datas Fifa", os clubes serão mais uma vez obrigados a ceder os convocados pelo técnico.

Ou seja: fato que irá gerar desconforto, críticas e muita gritaria contra a entidade madrasta do futebol brasileiro.

MEA CULPA

Tite assume que a convocação deste ou daquele jogador em atividade por aqui atrapalha os planos dos treinadores.

Ele sabe disso.

Reconheceu, inclusive, após o jogo de sexta-feira, que a convocação em curso favoreceu o Palmeiras de Felipão, que não precisou ceder jogador.

Mas avisou que nem por isso irá sacrificar a preparação da seleção.

No máximo, promete não ter jogadores envolvidos com as finais da Copa do Brasil, em sua próxima chamada, em outubro.

O que me parece óbvio, ainda que as datas do torneio da CBF não estejam marcadas.

Me espanta constatar que não há, ao menos teoricamente, a mínima preocupação com as partidas do Brasileiro.

Porque entre estes dois amistosos de outubro teremos ao menos dois jogos impactantes na parte de cima da tabela:

Internacional-RS x São Paulo e Palmeiras x Grêmio.

Confrontos entre gaúchos e paulistas que envolvem diretamente quatro dos cinco primeiros colocados da tabela.

Internacional-RS, São Paulo e Grêmio não estarão envolvidos com as finais da Copa do Brasil.

O Palmeiras pode estar.

Ou seja: neste caso, seria novamente beneficiado, estando com o time completo frente a concorrentes com o elenco desfalcado pela seleção.

Sem falar que a rodada terá também o clássico carioca entre Flamengo e Fluminense.

Se os rubro-negros estiverem na finais da Copa do Brasil, tudo bem.

Se não estiver, precisará de força máxima para apostar todas as fichas na conquista do Brasileiro.

Enfim...

Insisto que o mais sensato seria interromper a competição, com o adiamento da rodada os dois jogos envolvendo estes jogos.

Mas cadê peito para afrontar a CBF?

E a união dos clubes, que até agora não se pronunciaram?

Nada.

Mais fácil culpar o técnico da seleção.

Sem falar que a rodada terá também o clássico carioca entre Flamengo e Fluminense.

Postar um comentário

[facebook]

FlamengoResenha

{facebook#https://www.facebook.com/FlamengoSouRubroNegro} {twitter#https://twitter.com/FlamengoResenha} {google-plus#https://plus.google.com/u/0/107993712547525207446} {youtube#https://www.youtube.com/channel/UCiHkjDj2ljgIbiv_zUvdG6g/videos}

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget