"Se eu estivesse no Flamengo, não estava essa zona", diz Wallim

COLUNA DO FLAMENGO: Wallim Vasconcellos tentou ser candidato à presidência do Flamengo em 2012, mas, após ser impugnado, não pôde concorrer. Porém, ele assumiu o cargo de vice-presidente de futebol no ano dó último título nacional conquistado pelo clube, a Copa do Brasil de 2013. Por isso, o ex-candidato acredita que se ainda fosse dirigente do Fla, a equipe “não estaria uma zona“.

— Se eu estivesse no Flamengo, não estava essa zona não. Não tinha chegado a esse ponto de jogador não correr. A relação tem que ser estabelecida antes, as regras têm que ser dadas antes. A regra é clara: ‘assim que vai funcionar, quem quiser, quer, quem não quiser, vamos dizer agora, vamos ser abertos, que não tem problema nenhum’ —, disse Wallim.

Wallim Vasconcellos - Foto: Divulgação
Após ser questionado sobre o que faria se assumisse um cargo dentro do Fla atualmente, nas condições atuais, Wallim garantiu que não tem muito a ser feito. Por fim, ele recordou que demorou parar conquistar a confiança e respeito dos jogadores na época de VP de futebol, com isso, seria difícil chegar cobrando os atuais atletas do Mengão.

— Hoje? Não tem muita coisa a ser feita não. Faria o que? Chegaria chutando a porta, dando esporro? Não dá… A relação, eu aprendi muito isso, demorei um pouco a conseguir ter uma relação de confiança e respeito com os jogadores do Flamengo. Demorou uns três ou quatro meses até os caras acreditarem no que eu falava, no que eu prometia e cumpria… Quando comecei a fazer isso, eu comecei a cobrar —, concluiu o ex-candidato.

Wallim Vasconcellos é um dos mentores da atual chapa de oposição Unidos Pelo Flamengo (UniFla), em que tem Rodolfo Landim como candidato à presidência e Rodrigo Dunshee como vice. Porém, Wallim não tem cargo definido para assumir, caso a UniFla vença a eleição que será em dezembro deste ano. Marcelo Vargas é outro candidato da oposição, mas concorrerá pela Chapa Branca. Representando a situação, Ricardo Lomba concorre pela Chapa Azul.

Por isso, o ex-candidato acredita que se ainda fosse dirigente do Fla, a equipe “não estaria uma zona“.

Postar um comentário

[facebook]

FlamengoResenha

{facebook#https://www.facebook.com/FlamengoSouRubroNegro} {twitter#https://twitter.com/FlamengoResenha} {google-plus#https://plus.google.com/u/0/107993712547525207446} {youtube#https://www.youtube.com/channel/UCiHkjDj2ljgIbiv_zUvdG6g/videos}

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget