Lucas Paquetá é eleito o melhor de Corinthians 0 x 3 Flamengo

LANCE: O Flamengo mostrou força e continua vivo na disputa pelo título do Brasileiro. Com boa atuação coletiva, o Rubro-Negro venceu o Corinthians na noite desta sexta-feira, na Arena. Lucas Paquetá, com dois gols, recebeu a maior nota. Além dele, outros nomes também tiveram bom rendimento no 3 a 0.

Confira, na sequência, as notas do L!
Por Alexandre Araújo

7,0 - César - Fez duas grandes defesas no primeiro tempo, em lance que o Corinthians não aproveitou erro de Arão. Seguro quando necessário.

6,5 - Pará - Com bom apoio ofensivo, realizou, com Éverton Ribeiro e Willian Arão, tramas que deram trabalho ao sistema defensivo adversário.

Lucas Paquetá em Corinthians x Flamengo - Foto: Alexandre Schneider/Getty Images
6,5 - Léo Duarte - Fez boa partida. Fez parte de um sistema defensivo que funcionou pelo lado direito, com poucos sustos.

6,5 - Réver - Bem na defesa, conseguiu também levar a equipe à frente quando apontava certa dificuldade na saída de bola.

7,0 - Renê - Com o apoio ofensivo de Vitinho, ficou mais preso à marcação e ajudou na saída de bola. No fim, em contra-ataque, ainda fez um gol.

6,5 - Cuéllar - O volante cumpriu o papel à frente da zaga. Atuação regular, sem comprometer o sistema e com bons desarmes.

5,5 - Willian Arão - Teve um erro grotesco no primeiro tempo, em lance que César foi obrigado a fazer duas boas defesas.

7,0 - Éverton Ribeiro - Foi o jogador mais ativo do time rubro-negro. Caindo pelas duas alas, abriu espaço no time adversário e criou boas jogadas.

8,0 - Lucas Paquetá - Com oportunismo, foi o autor dos dois gols do Flamengo, garantiu a vitória e foi nome essencial no confronto desta sexta.

7,0 - Vitinho - Com a camisa do Flamengo, foi o jogo em que teve melhor participação. Conseguiu boas opções e bateu o escanteio que acabou em gol.

5,0 - Uribe - Novamente, não foi bem. Movimentou-se bastante, mas, atrasado na maioria das jogadas, pouco ajudou ofensivamente.

6,5 - Rodinei - Entrou para atuar como ponta-direita. Foi opção já no fim, teve tempo de puxar contra-ataque e dar assistência para o gol de Renê.

6,0 - Piris - Também correspondeu às expectativas, principalmente na marcação. Com ele em campo, Cuéllar jogou um pouco mais avançado.

6,5 - Rodinei - Entrou para atuar como ponta-direita. Foi opção já no fim, teve tempo de puxar contra-ataque e dar assistência para o gol de Renê.

7,0 - Dorival Júnior - Equipe mostrou evolução, sendo mais presente na área adversária. Vitória importante fora de casa e com quebra de tabu.

Com oportunismo, foi o autor dos dois gols do Flamengo, garantiu a vitória e foi nome essencial no confronto desta sexta.


Postar um comentário

[facebook]

FlamengoResenha

{facebook#https://www.facebook.com/FlamengoSouRubroNegro} {twitter#https://twitter.com/FlamengoResenha} {google-plus#https://plus.google.com/u/0/107993712547525207446} {youtube#https://www.youtube.com/channel/UCiHkjDj2ljgIbiv_zUvdG6g/videos}

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget