Alto salário fará a Universidad de Chile devolver Vaz ao Flamengo

ESPORTE 24 HORAS: Jorge Abel Costa

Perto de retornar de empréstimo ao Flamengo, Rafael Vaz vive seus últimos dias na Universidad de Chile. Apesar de ter feito boa temporada pelo time chileno, sua permanência é considerada improvável. Principalmente, pelo seu alto salário. Em entrevista ao diário AS Chile, uma fonte interna do clube comentou a situação do zagueiro. De acordo com o dirigente, todos na equipe gostariam da sua continuidade, porém, não há como arcar com os valores que ele recebe no Rubro-negro.

“Ele tem rendido e isso é inquestionável. Todos gostariam que continuasse, mas a complicação é que o Flamengo não continuará pagando parte do seu salário. Na La U todos querem que fique, mas o problema é o fato de que seu salário é muito alto”, analisou o dirigente.

Foto: Divulgação
A La U até tentou convencer Rafael Vaz reduzir sua pedida salarial. Mas, até o momento, nenhum acerto foi feito entre as partes. Tantos que em entrevista o defensor já falou em clima de despedida. De acordo com Vaz, sua identificação com o torcedor foi grande e ele garantiu sair com a consciência de missão cumprida.

“Eu vim para cá com uma grande responsabilidade e desconfiança. Mas eu conquistei o carinho do torcedor e isso é muito importante. Eu sinto que suei a camisa em todos os jogos e até o último minuto. Nesse sentido, estou calmo e, se tiver que deixar o clube, sairei com a consciência tranquila”, garantiu. Rafael Vaz.

Missão final

Mesmo que seja muito querido pelos torcedores, Rafael Vaz sente que poderia ter feito mais em sua passagem pela La U. Até o momento, o zagueiro não conseguiu conquistar nenhum título pelo seu atual clube. Por isso, a vaga direta na Libertadores é analisada como obrigação. Neste fim de semana, a Universidad de Chile decide sua vida na última rodada do Campeonato Chileno. Segundo Vaz, a vitória no jogo é importantíssima. 

“Eu sempre tento fazer o meu melhor. Não foi um ano muito positivo porque não tivemos grandes vitórias e não conseguimos levantar uma taça. Sabemos que poderíamos ter dado muito mais a Iquique. Acabamos tristes porque não éramos a equipe que queríamos. Mas ganhar no último encontro é importante para garantir a vaga da Copa Libertadores”, concluiu Rafael Vaz.

De acordo com o dirigente, todos na equipe gostariam da sua continuidade, porém, não há como arcar com os valores que ele recebe no Rubro-negro.

Postar um comentário

[facebook]

FlamengoResenha

{facebook#https://www.facebook.com/FlamengoSouRubroNegro} {twitter#https://twitter.com/FlamengoResenha} {google-plus#https://plus.google.com/u/0/107993712547525207446} {youtube#https://www.youtube.com/channel/UCiHkjDj2ljgIbiv_zUvdG6g/videos}

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget