Veja 10 goleiros que poderiam substituir Diego Alves no Flamengo

COLUNA DO FLAMENGO: Diego Alves se recusou a ficar no banco de reservas, discutiu com Dorival Júnior e criou um tremendo mal-estar com todos dentro do Flamengo. Isso pode fazer com o que o goleiro seja negociado ao fim da temporada, principalmente se o treinador for mantido. Eduardo Maluf, empresário do jogador, já busca outras opções de clubes para o atleta, principalmente no exterior.

Sendo assim, pode ser que o Fla tenha que ir ao mercado para contratar um novo goleiro, que chegue para assumir a titularidade, já que, com exceção de César, todos os outros da posição no elenco são muito jovens. Diante desse cenário, o Coluna do Flamengo listou dez nomes que poderiam entrar no radar da diretoria rubro-negra, para uma possível negociação, e futura chegada ao clube.

Foto: Divulgação
Fernando Prass (Palmeiras) — Mesmo aos 40 anos, o goleiro considera estar no auge da forma física. Apesar de ídolo, foi reserva durante toda a temporada no Palmeiras. O veterano tem contrato terminando no fim desse ano e ainda não foi procurado para uma renovação. O jogador ex-Vasco descarta a opção de aposentadoria no final da temporada.

Jaílson (Palmeiras) — A exemplo de Prass, é outro veterano. Já com 37 anos, o goleiro também ocupa a reserva do Palmeiras, dando lugar a Weverton. Tem contrato acabando no fim do ano e ainda não sabe se irá renovar. Apareceu bem em 2016, quando foi campeão brasileiro pela equipe paulista e eleito o melhor da posição.

Vanderlei (Santos) — Tem contrato com o Santos até o fim de 2020, mas pode ser negociado em caso de uma boa proposta. A diretoria estima R$ 30 milhões como um valor justo para a venda do atleta. Atualmente com 34 anos, foi eleito o melhor goleiro do Brasileirão de 2017. O São Paulo estaria de olho no jogador.

Marcelo Grohe (Grêmio) — Ídolo do Grêmio, o goleiro de 31 anos possui contrato até o fim de 2020. Para transferências no Brasil, tem multa rescisória girando em torno de R$ 50 milhões. Já chegou a ser sondado por times da Europa, mas poderia buscar uma troca interna, principalmente caso Renato Gaúcho saia. Por uma fratura na costela, só volta a jogar no próximo ano. Seria provavelmente a negociação mais complexa.

Jandrei (Chapecoense) — Um dos mais jovens da lista, o goleiro de 25 anos é titular da Chape há quase duas temporadas. Possui contrato até o fim de 2021. Em julho deste ano, chamou a atenção do futebol europeu e chegou a encaminhar acordo com a Sampdoria (ITA), pelo valor de R$ 11,3 milhões, mas acabou ficando na equipe catarinense.

Wiulker Fariñez (Millonarios-COL) — É uma das grandes promessas do futebol sul-americano. Com apenas 20 anos, é titular da seleção venezuelana e do Millonarios, campeão colombiano em 2017. Tem valor de mercado estimado em 2,5 milhões de euros (cerca de R$ 10,7 milhões) e contrato até o final de 2020. Quando ainda estava no Caracas (VEN), teve seu nome ligado ao Benfica (POR).

Tiago Volpi (Querétaro-MEX) — Pouco conhecido no Brasil, o goleiro de 27 anos se tornou referência no México e, inclusive, convive com pedidos para se naturalizar mexicano e defender a seleção local. No entanto, o sonho do atleta ex-Figueirense é a Amarelinha. Por isso, quer retornar ao país. Tem contrato até maio de 2020 e valor de mercado estimado em 3 milhões de euros (cerca de R$ 12,8 milhões).

Ochoa (Standard Liège-BEL) — Aos 33 anos, o goleiro da seleção mexicana possui contrato apenas até junho do próximo ano. Sendo assim, já pode assinar um pré-contrato com outra equipe em janeiro, ou ser negociado por um valor bem abaixo da multa, que é estimada em torno de 4 milhões de euros (cerca de R$ 17 milhões). Já chegou a ser especulado no Flamengo, em 2017.

Rafael Cabral (Sampdoria-ITA) — Em busca de mais minutos em campo, trocou de equipe na última janela, mas não adiantou. Sem jogar, o goleiro de 28 anos pode imaginar novamente um retorno ao Brasil, onde conquistou a Libertadores de 2011 pelo Santos. O contrato do atleta, que já passou pela seleção brasileira, é válido até junho de 2019. Tem valor de mercado estimando em 800 mil euros (cerca de R$ 3,4 milhões).

Diego Cavalieri (sem clube) — Desde que deixou o Fluminense, o atleta não conseguiu jogar. Foi contratado pelo Crystal Palace (ING), mas não entrou em campo. Ficou sem clube após o primeiro semestre e chegou a ser sondado pelo Manchester City (ING). Com 35 anos, o goleiro ex-Liverpool (ING) e seleção, pode estar em busca de um recomeço. Foi campeão brasileiro e eleito melhor goleiro em 2012, quando atuava pelo Tricolor.

*Valores de mercado retirados do site Transfermarkt

Eduardo Maluf, empresário do jogador, já busca outras opções de clubes para o atleta, principalmente no exterior.

Postar um comentário

[facebook]

FlamengoResenha

{facebook#https://www.facebook.com/FlamengoSouRubroNegro} {twitter#https://twitter.com/FlamengoResenha} {google-plus#https://plus.google.com/u/0/107993712547525207446} {youtube#https://www.youtube.com/channel/UCiHkjDj2ljgIbiv_zUvdG6g/videos}

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget