Felipe Vizeu revela expectativa para enfrentar Cristiano Ronaldo

ESPN: Ainda em fase de adaptação na Europa, Felipe Vizeu poderá ter a chance de duelar contra Cristiano Ronaldo, eleito cinco vezes o melhor jogador do mundo pela Fifa, neste final de semana.

Isso porque sua equipe, a Udinese, irá enfrentar a poderosa Juventus no Estádio Friuli. O jogo válido pela oitava rodada do Campeonato Italiano será realizado neste sábado (06/10), às 13h (de Brasília).

"Jogar contra o Cristiano Ronaldo vai ser também um momento muito marcante, é um dos melhores do mundo, admiro bastante esse jogador. Campeonato italiano vai ser bem disputado nessa temporada, muitos jogadores de alto nível", disse o atacante, ao ESPN.com.br.

Foto: Reprodução
Antes de ir para a Itália, no meio deste ano, ele pediu conselhos para Zico, que é ídolo do Flamengo e jogou na Udinese nos anos 80.

"Quando eu soube que ia vir jogar aqui, conversei com o Zico e peguei muitas dicas. Ele me ajudou bastante nessa vinda pra cá. Tenho sempre acompanhado a imprensa, minha assessoria me ajuda bastante nisso", garantiu.

Após disputar algumas partidas na pré-temporada, Felipe Vizeu fez dois jogos oficiais pela equipe italiana e ainda não balançou as redes.

A Udinese está na 14ª posição do Calcio, com 8 pontos ganhos, enquanto a Juventus é a líder, com 21.

Alegrias e dificuldades no Fla
Felipe Vizeu foi um dos destaques do Flamengo no título da Copa São Paulo de futebol júnior de 2016, quando foi vice-artilheiro da competição, com sete gols marcados. Pouco tempo depois, foi chamado para integrar o time principal e viveu uma das maiores emoções da vida.

"Naquele dia eu estava com a minha família, voltando pra cidade em que eles moravam, Três Rios (RJ). Até que o telefone tocou e eu recebi a notícia que tinha perdido meu avô. Foi uma situação muito triste, eu estava vindo de um êxtase muito grande com o título, tinha separado tudo para mostrar pra ele quando chegasse na casa dele e acabou chegando essa informação da morte dele", lamentou.

"Cheguei lá e já tive que ir direto pro velório. Foi muito triste. Naquele mesmo dia o Léo Inácio me ligou e me informou que eu estava sendo integrado ao elenco profissional e me passou a data e local de apresentação", contou.

Após perder um de seu maiores incetivadores, Vizeu recebeu bastante apoio no time rubro-negro do técnico Muricy Ramalho. Ele debutou na equipe profissional contra a Portuguesa-RJ ao entrar nos 12 minutos finais da partida.

"Na minha estreia o professor veio conversar comigo, ele pegou e falou que eu ia começar jogando durante um treino na Gávea. Logo que eu fui embora do treino já começaram a subir matérias nos sites, estreia do garoto Vizeu pode ser amanhã e tudo mais. Foi um jogo que o professor escolheu um time misto, me lembro que foi pelo Campeonato Carioca.

Ele mostrou estrela logo no seu primeiro jogo como titular, ao marcar o gol da vitória rubro-negra por 1 a 0 sobre a Cabofriense.

"Eu vinha muito bem, aproveitando a boa fase na base, Muricy me deixou muito tranquilo pra jogar futebol. Entrei muito seguro na partida, todos me ajudaram bastante. Claro que eu queria fazer gol, mas poder entrar e jogar bem, fazendo o gol da vitória foi muito gratificante", relato.

Gols e saída
A primeira temporada de Felipe Vizeu foi de afirmação na Gávea. Sua principal atuação foi na décima quarta rodada do Brasileirão, quando marcou dois gols na vitória sobre o Atlético.

Em 2017, ele virou uma espécie de talismã da equipe rubro-negra na Copa Sul-Americana. Ele fez gols nos dois duelos contra o Júnior Barranquilla, válidos pela semifinal do torneio. O Flamengo acabaria derrotado na decisão pelo Independiente.

"Os momentos mais felizes no profissional foram as finais que chegamos, o título do Carioca de 2017, poder ter sido artilheiro da Sul-Americana, foram momentos muito felizes. Em vários jogos importantes e decisivos tive a chance de ajudar com gols importantes. Fico muito horando por ter vestido essa camisa e ter contribuído com essas conquistas", relatou.

Em dois anos no Flamengo, Vizeu anotou 20 gols em 67 jogos e venceu o Campeonato Carioca de 2017. Comprado pela Udinese, que pagou 6 milhões de euros por 60% dos seus direitos econômicos, o atacante deixou o time da Gávea.

Antes de ir para a Itália, no meio deste ano, ele pediu conselhos para Zico, que é ídolo do Flamengo e jogou na Udinese nos anos 80.

Postar um comentário

[facebook]

FlamengoResenha

{facebook#https://www.facebook.com/FlamengoSouRubroNegro} {twitter#https://twitter.com/FlamengoResenha} {google-plus#https://plus.google.com/u/0/107993712547525207446} {youtube#https://www.youtube.com/channel/UCiHkjDj2ljgIbiv_zUvdG6g/videos}

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget