"Objetivo de um clube é ganhar títulos, não dinheiro", critica Lino

SPORTV: Nesta semana, a venda de Lucas Paquetá por 35 milhões de euros para o Milan reacendeu o debate sobre a venda de jogadores que atuam no futebol brasileiro para o mercado externo, principalmente os jovens. Para o convidado do “Seleção SporTV” Carlos Eduardo Lino, nunca é vantajoso vender um atleta.

- Vender nunca é bom. O objetivo de um clube de futebol é ganhar títulos e não ganhar dinheiro. Quando você perde um jogador, tem que lamentar. Não vejo nenhum torcedor Flamengo comemorar (a venda de Paquetá). Nunca é um bom negócio você perder um jogador- comentou Lino.

Foto: Reprodução
Para o narrador do Grupo Globo Gustavo Villani, o Flamengo não perde somente um jogador de qualidade, mas um atleta identificado com o clube.

- O Paquetá entende o Flamengo melhor que todos os outros jogadores, é solidário, formado no clube, corre atrás da bola o tempo todo e sabe jogar. O Flamengo perde um símbolo, que, para o flamenguista, é muito importante: o craque feito em casa.

Já o apresentador do programa, André Rizek, tem outra avaliação. Para ele, a negociação é benéfica para o Flamengo por causa do alto valor. Mas ressaltou que é importante gastar esse dinheiro com inteligência.

- Eu venderia todos eles (Paquetá, Vinicius Junior e Jorge). Acho que o Flamengo vendeu mal o Vizeu, gastou mais com jogadores que jogam menos que ele.

Para o narrador do Grupo Globo Gustavo Villani, o Flamengo não perde somente um jogador de qualidade, mas um atleta identificado com o clube.

Postar um comentário

[facebook]

FlamengoResenha

{facebook#https://www.facebook.com/FlamengoSouRubroNegro} {twitter#https://twitter.com/FlamengoResenha} {google-plus#https://plus.google.com/u/0/107993712547525207446} {youtube#https://www.youtube.com/channel/UCiHkjDj2ljgIbiv_zUvdG6g/videos}

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget