São Paulo não tem bom retrospecto com laterais improvisados

GAZETA ESPORTIVA: Diego Aguirre conta um grande problema para escalar o time que enfrentará o Flamengo, no próximo domingo, no Morumbi. Com três significativos desfalques no ataque, tudo indica que o técnico do São Paulo, mais uma vez, será obrigado a adiantar um lateral para compor seu setor ofensivo. Nada a que ele já não esteja acostumado. Mas em termos de números, a solução não é nada animadora.

Isso porque, neste Campeonato Brasileiro, dos sete jogos em que o uruguaio optou por improvisar um de seus laterais nas pontas, o Tricolor só saiu com a vitória em dois. De resto, foram três empates e duas derrotas, o equivalente a um aproveitamento de apenas 42,8%.

Foto: Divulgação
As duas vitórias, por sinal, aconteceram na primeira e na última vez que Aguirre fez a mudança. A primeira foi contra o Corinthians, ainda na 14ª rodada da competição, quando Reinaldo foi escolhido para compor o ataque são-paulino. E a mudança foi a mesma contra o Vitória, já na última sexta-feira, em duelo válido pela 31ª rodada.

Com Everton ainda iniciando a fase de transição para o gramado, após três semanas se recuperando de um estiramento na coxa, Everton Felipe lesionado, com estiramento no ligamento colateral medial, e Rojas fora até 2019, graças a um rompimento do tendão patelar, as chances de Aguirre voltar a improvisar no ataque da equipe são enormes.

Caso o treinador opte por manter a formação das últimas partidas, a tendência é que Reinaldo volte a ocupar a vaga de Everton pela esquerda. Na direita, ainda há dúvidas. Tréllez é uma opção, assim como Nenê. Ambos, porém, não têm a velocidade como principal característica, o que tornaria o time mais pesado.

Ainda que a probabilidade seja pequena, os jovens da base também podem aparecer entre os 11. Brenner não entra como titular há mais de seis meses, enquanto o recém-promovido Anthony ainda aguarda por uma oportunidade na equipe principal. Helinho é o terceiro nome, mas também se recupera de lesão.

São Paulo e Flamengo medem forças neste domingo, pela 32ª rodada do Brasileirão 2018. No Morumbi, em São Paulo (SP), a bola rola a partir das 16h (no horário de Brasília). Para além dos desfalques ofensivos, o Tricolor não poderá contar com o goleiro Jean e o volante Hudson, ambos suspensos.

Reinaldo, por sinal, foi o escolhido para atuar improvisado em seis das sete ocasiões. Na outra oportunidade, foi Bruno Peres quem acabou adiantado, justamente na derrota por 2 a 0 para o Palmeiras, em pleno Morumbi.

Tudo indica que o técnico do São Paulo, mais uma vez, será obrigado a adiantar um lateral para compor seu setor ofensivo.

Postar um comentário

[facebook]

FlamengoResenha

{facebook#https://www.facebook.com/FlamengoSouRubroNegro} {twitter#https://twitter.com/FlamengoResenha} {google-plus#https://plus.google.com/u/0/107993712547525207446} {youtube#https://www.youtube.com/channel/UCiHkjDj2ljgIbiv_zUvdG6g/videos}

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget