Conheça Angelo Preciado e Emiliano Albín, oferecidos ao Flamengo

ESPORTE 24 HORAS: Jorge Abel Costa

Em meio a busca pelo título brasileiro, Flamengo vinha monitorando o mercado e analisando nomes de possíveis reforços. Por exemplo, Angelo Preciado e Emiliano Albín. Segundo informações do Coluna do Flamengo, os dois laterais direitos estão sendo avaliados pela diretoria rubro-negra. Vocês ainda não os conhecem? Então, confira o material que o Esporte 24 Horas preparou sobre cada atleta.

Angelo Preciado

No auge dos seus 20 anos, Angelo Preciado vive sua primeira temporada no profissional. Revelado em 2016, pelo Independiente del Valle, o lateral chama a atenção pela sua extrema rapidez  e segurança no jogo aéreo. Aliás, o jovem já acumula experiência pela seleção do Equador. Inclusive, quando atua pelo seu país, o atleta deixa a linha defensiva e atua mais no meio de campo. Neste temporada, Preciado já entrou em campo 22 vezes e marcou dois gols.

Foto: Divulgação
Mas a relação entre o lateral e o Flamengo não é de agora. No início de 2018, o equatoriano disputou a Libertadores Sub-20 pelo Independiente del Valle. Atuando em quatro jogos, o jogador foi um dos que se destacaram na competição. Aliás, marcando presença com um dos seus representantes, o clube carioca observou algumas partidas do torneio e criou uma base do potencial de Angelo Preciado.

Emiliano Albin

Mais experiente, Emiliano Albín, de 29 anos, é outro nome de lateral direito que chega à diretoria rubro-negra. Atualmente, o uruguaio defende o San Martín de Tucumán, clube da primeira divisão da Argentina. Mas o que mais atrai os dirigentes é a possibilidade de um negócio sem tanto investimento. O valor para liberação do atleta junto ao clube argentino ficaria em cerca de R$ 500 mil. Além disso, Albín receberia um salário de R$ 60 mil, por mês. Com passagens por Boca Juniors e Penãrol, o lateral tem contrato com seu atual clube até o meio da próxima temporada. 

Apesar de ser lateral direito de origem, Emiliano Albín dá ao seu treinador a possibilidade de atuar como volante. Em 2018, o uruguaio participou de apenas dois jogos com o San Martín, sem marcar gols, em 11 partidas oficiais do clube no ano. Vale lembrar, em 2012, o defensor teve uma passagem pela seleção olímpica do Uruguai. Ainda assim, o jogador teve uma carreira de altos e baixos. Tanto que ao sair do Penãrol, em 2015, passou por um período sem clube e pensou em deixar a carreira. Ao retornar aos gramados, em entrevista ao Ovación, comemorou a oportunidade.

“A falta de competição gera menos ritmo. Eu tenho que aproveitar a oportunidade. Após ficar longe muito tempo, você sente muito desejo de fazer as coisas direito. E que tudo saia da melhor maneira no jogo para que a situação melhore. Isso e a alegria de jogar novamente”, declarou Emiliano Albín.

Além da dupla, Marcos Rocha é outra opção analisada pelo Flamengo. Atualmente, o clube conta com Rodinei e Pará. Mas ambos sofrem com as críticas da torcida e terão suas permanências reavaliadas na próxima temporada. Enquanto isso, a equipe rubro-negra foca nessa reta final de Brasileirão, buscando assegurar uma direta na fase de grupos da Libertadores de 2019.

Os dois laterais direitos estão sendo avaliados pela diretoria rubro-negra. Vocês ainda não os conhecem? Nós te apresentamos.

Postar um comentário

[facebook]

FlamengoResenha

{facebook#https://www.facebook.com/FlamengoSouRubroNegro} {twitter#https://twitter.com/FlamengoResenha} {google-plus#https://plus.google.com/u/0/107993712547525207446} {youtube#https://www.youtube.com/channel/UCiHkjDj2ljgIbiv_zUvdG6g/videos}

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget