Em reencontros, Flamengo e Zé Ricardo só empataram

GLOBO ESPORTE: Na luta contra o rebaixamento, Zé Ricardo tem pela frente neste sábado, às 19h30, no Nilton Santos, o clube onde iniciou sua trajetória no futebol profissional: o Flamengo. Até agora, soma três jogos contra o ex-clube, e todos terminaram empatados. Será o primeiro reencontro no comando do Botafogo.

Confira os jogos:

28/10/2017 - Flamengo 0x0 Vasco (31ª rodada do Brasileiro)

O primeiro deles deu-se pouco mais de dois meses após deixar a Gávea. O arquirrival, antes candidato ao título, era apenas o sétimo colocado, com 46 pontos, uma posição e com três a mais do que somava o Cruz-Maltino. A luta vascaína já era por Libertadores após Zé rapidamente tirar o time da zona do perigo, tanto que chegava ao clássico com uma invencibilidade de seis jogos (três vitórias e três empates).

Foto: André Durão
A partida foi ruim tecnicamente, com muitos erros de passes. Por conhecer muito bem o Flamengo, Zé conseguiu fazer com que o rival parasse na intermediária. É verdade que as duas melhores chances foram rubro-negras e desperdiçadas dentro da área, por Paquetá, no primeiro tempo, e Felipe Vizeu, no segundo. Mas o Vasco travou um duelo equilibrado e também quase marcou. Nenê colocou uma na trave.

27/01/2018 - Flamengo 0x0 Vasco (4ª rodada da Taça Guanabara)

Três meses depois, um novo 0 a 0. Público pequeno (18.587 pagantes) e futebol, mais uma vez, de baixíssimo nível técnico. A crônica da partida publicada pelo GloboEsporte.com tratou o empate como o "Clássico dos Milhões de Erros".

Agora sob o comando de Paulo César Carpegiani, o Flamengo, repleto de reservas, e o Vasco, sem Nenê, fizeram um jogo bem pior do que o anterior. Criaram poucas chances efetivas (repare no vídeo de melhores momentos do jogo).

19/05/2018 - Flamengo 1x1 Vasco (6ª rodada do Brasileiro)

No primeiro de seus últimos cinco jogos pelo Vasco, Zé Ricardo participou do que parecia o mais promissor do Clássico dos Milhões desde que deixara a Gávea.

Apesar da chuva, o duelo teve lances de emoção, e um primeiro tempo elétrico, com o Vasco superior. O Flamengo abriu com Vinicius Junior em jogada na qual Diego teve participação em posição irregular. E, quatro minutos depois, Wagner empatou.

O jogo não fluiu de maneira mais natural por que o árbitro Ricardo Marques Ribeiro amarrou demais o duelo marcando qualquer falta. No final, quando os times buscavam a vitória, expulsou quatro jogadores em uma discussão generalizada e esfriou qualquer tipo de reação dos dois lados.

Até agora, soma três jogos contra o ex-clube, e todos terminaram empatados. Será o primeiro reencontro no comando do Botafogo.

Postar um comentário

[facebook]

FlamengoResenha

{facebook#https://www.facebook.com/FlamengoSouRubroNegro} {twitter#https://twitter.com/FlamengoResenha} {google-plus#https://plus.google.com/u/0/107993712547525207446} {youtube#https://www.youtube.com/channel/UCiHkjDj2ljgIbiv_zUvdG6g/videos}

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget