Com 11 desfalques, Flamengo é campeão da Copa do Brasil sub-17

COLUNA DO FLAMENGO: Flamengo e Fluminense se enfrentaram na noite desta sexta-feira (21), no Maracanã, pelo segundo jogo da final da Copa do Brasil sub-17. Apesar de muitos desfalques em decorrência de um surto de caxumba, o Rubro-Negro superou a equipe tricolor e alcançou o título do torneio nacional.

O JOGO

Com 10 desfalques para o embate decisivo, o Flamengo iniciou os primeiros minutos de partida com dificuldades no meio de campo, enquanto o Fluminense trocava bem os passes em busca de uma brecha para furar a defesa rubro-negra.

Flamengo sub-17 - Foto: Gilvan de Souza
Entretanto, o clube da Gávea entrou no jogo rapidamente e abriu o placar ainda aos 14 minutos da primeira etapa, com Reinier, que já havia marcado no primeiro confronto da final. Em rápido contra-ataque, Gabriel carregou pela esquerda, cruzou para dentro da área, encontrando Marcos Felipe. O jogador viu Reinier em ótimas condições e tocou para o camisa 10 rubro-negro abrir o placar no Maracanã.

Embalado pelo gol marcado, os Garotos do Ninho foram para cima do Flu e quase ampliaram a vantagem aos 20 minutos. Daniel Cabral cruzou na direita, e Rhyan cabeçou com muito perigo por baixo, carimbando à meta adversária.

Percebendo a superioridade do Rubro-Negro, o Tricolor tentou retomar o bom início de jogo, mas não tinha a mesma tranquilidade para procurar as melhores jogadas. O susto da equipe adversário só aconteceu na marca dos 39 minutos. Luiz Henrique limpou um marcador e arrematou rasteiro no canto esquerdo defendido por Pedro Victor. Para sorte do goleiro, a bola resvalou na trave e saiu.

O Flu ainda teve chances no último minuto da primeira etapa, em mais uma finalização de fora da área. Desta vez, Wallace foi o responsável pelo chute, mas o camisa 7 viu Pedro Victor realizar uma boa defesa, garantindo a vantagem do Fla nos 45 iniciais.

Mesmo com o placar a seu favor, o Flamengo iniciou o segundo tempo novamente na pressão. Logo aos oito, Braian fez boa jogada pela direita e cruzou na cabeça de Reinier, que procurou o canto esquerdo do arqueiro adversário, levando muito perigo à meta tricolor.

Pedro Victor novamente surgiu como protagonista aos 26, após pressão do Flu. Wallace cruzou na cabeça de João Pedro, que cabeçou no canto esquerdo. O goleiro flamenguista se jogou e operou um milagre no Maracanã, não permitindo o empate tricolor.

Em novo contra-ataque, desta vez aos 35, a equipe das Laranjeiras ficou na trave. Wallace fez linda jogada pela esquerda, invadiu a área e tocou para Miguel Silveira, que arrematou na trave de Pedro Victor. O goleiro já estava vendido no lance.

Os minutos finais de jogo foram de inteira pressão do time tricolor, mas foi o clube da Gávea que chegou perto de “matar” a partida, aos 42 minutos. Reinier cruzou na segunda trave para Rodrigo Muniz, que tocou por cima do gol defendido pelo goleiro do Flu. A equipe adversária ainda teve dois jogadores expulsos no final do embate, e o Rubro-Negro garantiu mais um título na temporada.

O título da Copa do Brasil sub-17 coroa o ano de muitas conquistas da base do Flamengo. Foi o 19º título da temporada no futebol de base, que encerra as atividades de 2018 com novo triunfo e terá pela frente, em 2019, um novo centro de treinamentos cedido pela equipe profissional, que se mudará para o módulo construído no Ninho do Urubu.

Com 9 desfalques por caxumba e outros 2 por suspensão, o Flamengo venceu o Fluminense e conquistou o título da Copa do Brasil Sub-17.

Postar um comentário

[facebook]

FlamengoResenha

{facebook#https://www.facebook.com/FlamengoSouRubroNegro} {twitter#https://twitter.com/SiteFlaResenha} {google-plus#https://plus.google.com/u/0/107993712547525207446} {youtube#https://www.youtube.com/channel/UCiHkjDj2ljgIbiv_zUvdG6g/videos}

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget