Vasco foi o time mais beneficiado com pênaltis no Brasileirão 2018

GLOBO ESPORTE: Após o pior aproveitamento desde 2013 alcançado em 2017, os números melhoraram neste ano. Na temporada passada, os cobradores desperdiçaram 39 em 128 penalidades. Neste ano, foram 22 desperdícios em 94 tentativas. O aproveitamento subiu de 69,5% para 76,6%. Alívio para os torcedores que comemoraram mais vezes quando o árbitro apontou para a marca da cal neste Campeonato Brasileiro.

Quando analisadas as 94 cobranças deste Brasileirão, percebe-se que o local preferido dos batedores é o canto inferior esquerdo: foram 31 ali, sendo 20 gols marcados e 11 desperdiçados. Como os goleiros costumam escolher um canto em cada penal, as bolas batidas no meio, de forma rasteira ou alta foram impecáveis, com 100% de aproveitamento. Veja onde foi batido cada penalidade no campeonato:

O Espião Estatístico* preparou um balanço geral sobre os pênaltis marcados no Brasileirão de 2018. Sabe qual time com mais pênaltis a favor? E o time que teve mais penalidades contra? Qual jogador mais cometeu infrações dentro da área? Quem foi o árbitro que mais apontou para a marca da cal? Veja os principais destaques abaixo:


Times com mais pênaltis a favor e contra

Das 94 vezes que os árbitros apontaram para a marca da cal no Campeonato Brasileiro, Vasco e Grêmio juntos tiveram 23 penalidades, o que corresponde 24% dos pênaltis assinalados na competição. O Fluminense, por sua vez, não teve um penal a seu favor.

Em contrapartida, dois times paranaenses foram os que mais viram os adversários comemorando a marcação de pênaltis. Atlético-PR e Paraná terminaram no topo da lista dos times com mais pênaltis contra na Série A.


Dentre os 20 times do Brasileirão, o Vasco foi o que mais teve pênaltis a favor: 12. Isso significa que cerca de um a cada quatro gols do Cruz-Maltino na competição veio a partir da marca da cal. Foram dez bolas na rede dessa maneira, e Yago Pikachu foi o artilheiro no quesito, com cinco gols.

Outro clube que alcançou um alto número de penais pró foi o Grêmio: 11. Destas, sete terminaram em gol. Com quatro desperdícios, o Imortal foi o time que mais perdeu penalidades neste Brasileirão.

Por outro lado, o Atlético-PR foi o time que mais viu o árbitro marcar pênaltis para os adversários. Foram dez penalidades contra o Furacão ao longo da competição. O rival Paraná também está no topo da ingrata lista, com nove penais contra.

Jogadores com mais pênaltis sofridos e cometidos

As defesas adversárias sofreram, especificamente, com quatro atacantes neste Brasileiro quando o assunto era evitar uma falta dentro do limite da área. Isso porque elas falharam neste objetivo. Andrés Ríos, do Vasco, Everton, do São Paulo, Gabriel, do Santos e Leandro Damião, do Internacional, conseguiram três pênaltis a favor de seus respectivos clubes no Brasileirão 2018.

Ponta de velocidade, Everton conviveu com lesões no caminho do São Paulo no campeonato. Não fossem elas, o Tricolor Paulista poderia ter tido mais cobranças de penalidades a seu favor. Isso porque o camisa 22 sofreu 75% dos pênaltis para o time no Brasileiro: três em quatro. O artilheiro Gabigol é outro responsável por três a cada quatro pênaltis de seu clube na competição. Dos quatro penais sofridos pelo Santos, três foram pelo camisa 10 do Peixe.

Rebaixados para a Série B, Sport e América-MG estão no topo dos times com mais penalidades contra no Brasileirão. O clube pernambucano enfrentou oito cobranças enquanto o mineiro, sete. E entre os atletas, o lateral Raul Prata, do Leão, e o zagueiro Matheus Ferraz, do Coelho, foram os que mais cometeram infração dentro da área na competição: três cada um.

Árbitros com mais penalidades marcadas

O número de apitos em direção à marca da cal foi o menor dos últimos dois anos: foram 94 penais assinalados em 2018. Em 2016 e 2017 foram 103 e 128, respectivamente, enquanto que em 2015 foram 93, um a menos que nesta temporada.

E quem mais contribuiu com o número deste ano foi o árbitro Wagner do Nascimento Magalhães, juiz que assinalou 10 cobranças de pênalti. Dewson Fernando Freitas da Silva (nove penais), Leandro Bizzio Marinho (sete), Leandro Pedro Vuaden (seis) e Heber Roberto Lopes (cinco) completam o Top 5 de árbitros com mais infrações apontadas dentro da área na competição. Juntos, eles marcaram 39% das cobranças do Campeonato Brasileiro.

Vasco e Grêmio juntos tiveram 23 penalidades, o que corresponde 24% dos pênaltis assinalados na competição.

Postar um comentário

[facebook]

FlamengoResenha

{facebook#https://www.facebook.com/FlamengoSouRubroNegro} {twitter#https://twitter.com/FlamengoResenha} {google-plus#https://plus.google.com/u/0/107993712547525207446} {youtube#https://www.youtube.com/channel/UCiHkjDj2ljgIbiv_zUvdG6g/videos}

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget